Pular para o conteúdo principal

POLIANA SOUSA HERDA MEDALHA DE PRATA DO PARAPAN DE LIMA


A uberabense Poliana Sousa recebeu uma grande notícia, ou melhor, um presentão de natal! A medalha de prata da classe F54 (para atletas que competem em cadeiras de rodas) do lançamento de dardos dos Jogos Parapan-americanos de Lima, realizado em 2019 no Peru. Isso porque o Comitê Paralímpico Internacional suspendeu na última sexta-feira (11), a norte-americana Sebastiana Lopez  por violação da regra antidoping. 

Foto: Douglas Magno/EXEMPLUS/CPB

Foi constatado no exame antidoping, uma substância proibida em sua urina fornecida em 26 de agosto de 2019 durante o Parapan. O elemento encontrado foi o GW501516, que está classificado na lista proibida da Agência Mundial Antidoping (WADA) como modulador hormonal e metabólico. Agora, a  norte-americana está proibida de competir até o dia 4 de setembro de 2023. 

Originalmente com a medalha de bronze, a paratleta da ADEFU/Uberaba, viu sua concorrente dos Estados Unidos ter todos os seus resultados invalidados na competição, como a medalha de prata no lançamento de dardo, de bronze no arremesso de peso e o recorde mundial no lançamento de disco. Vale lembrar, que Poliana disputou a final da modalidade no sacrifício, devido a uma lesão. 

Agora, a nova vice-campeã é só alegria: "Fiquei totalmente sem reação. Primeiramente gritei como uma louca kkkk meus vizinhos devem ter pensado que tava louca kkkk. Depois chorei e agradeci. Deus tarda mas não falha!".

Assim como Poliana Sousa, a chilena Francisca Mardones, então quarta colocada na prova, subiu uma colocação e receberá a medalha de bronze. Ainda não foi definido como as paratletas receberá as novas medalhas.

Parabéns Poliana, você merece!!!

Siga o zebunarede também pelas redes sociais:

Facebook: zebunarede.com

Instagram: @zebunarede

Youtube: zebunarede

Twitter: @zebunarede

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - TUYO

Por: André Montandon Um dos principais nomes da música independente da atualidade, retornou à Uberaba no dia 15 de abril, a convite do Laboratório 96, para um show super especial em comemoração ao 6 anos deste importante espaço cultural, no Teatro Sesi Minas. Mesmo em meio a "turbulência" provocada pela pandemia da Covid-19, Jean Machado e as irmãs Lilian (Lio) e Layane Soares (Lay) , apresentaram ao público em 2021, o seu terceiro álbum  - "Chegamos Sozinhos em Casa", que foi recebido com muito carinho pelos fãs e pela crítica especializada. O reconhecimento deste novo trabalho foi confirmado com indicações ao Prêmio Multishow na categoria “Canção do Ano” com a música “Sonho da Lay” e ao Grammy Latino na categoria "Melhor Álbum de Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa". Única banda brasileira a integrar o show de abertura do Festival South by Southwest 2022 (SXSW), realizado em março, a Tuyo agora apresenta um novo registro de sua ida a Austin, no Texa

CONQUISTAS UBERABENSES NA PETECA, KARATÊ E HANDEBOL

  Neste sábado (04), o grande  Reginaldo Damião  sagrou-se campeão na categoria Kumite - classe Master (41 a 50 anos) 75 kg+, da etapa final do Campeonato Mineiro de Karatê , realizado em Araguari/MG. Um título de superação do atleta, após passar por uma grave lesão no braço. Com a conquista da medalha de ouro, Damião classificou-se para o Campeonato Brasileiro que será realizado em dezembro, em Caucaia/CE.  Foto:  facebook.com/reginaldodamiao Já no domingo (05) em Rio Verde/GO, a fera  Douglas Silva conquistou ao lado Delgado e Rafael, a categoria adulto (1ª classe) da  Copa do Brasil de Peteca , superando por 2 sets a 0 (25/22, 25/16) a jovem dupla Fernandinho e Luan. Em seguida, foi a vez de seu pai José Adolfo  que baixo de categoria (atleta 60+), garantir ao lado de Ricardo Moído e Adalto, o título da categoria 50+.  Pódio  da categoria adulto (1ª classe) à esquerda. Douglas e seu pai José Adolfo à direita.  Foto:  facebook.com/douglassilva Ainda no domingo, Uberaba foi palco da L