Pular para o conteúdo principal

COMPLEXO DE PEIRÓPOLIS RECEBE BLOCO COM MAIS DE 2 TONELADAS CONTENDO FÓSSEIS DE DINOSSAUROS


O Complexo Cultural e Científico de Peirópolis - CCCP, recebeu um bloco de calcário e arenito com cerca de 2,5 toneladas, contendo fósseis de dinossauros carnívoros e herbívoros. O bloco é proveniente da mineração de calcário de um grupo empresarial, com ponto de extração e moagem à esquerda da Rodovia BR–050, a aproximadamente 50 km da área urbana de Uberaba. 

Foto: Divulgação CCCP/UFTM

De acordo com a equipe do complexo o próximo passo é a retirada dos fósseis do bloco. Aproximadamente 98% desse peso é de calcário maciço e os fósseis estão concentrados em uma camada com cerca de 15 centímetros. Como o bloco não caberia dentro do Museu e pela necessidade de conservação dos fósseis, ele foi envelopado para evitar as intempéries e tão logo seja possível, o preparador de fóssil irá retirá-los para levar ao laboratório.

Foto: Divulgação CCCP/UFTM

Uberaba conta com uma lei de geoconservação atuante, essa lei prevê que toda e qualquer área dentro do território do Geoparque Uberaba, dos 4.500 quilômetros quadrados que houver potencialidade paleontológica, o empreendedor tem que contratar um especialista para se fazer um diagnóstico. E se esse diagnóstico apontar que há uma possibilidade de se achar fósseis, o empreendedor é obrigado a contratar uma empresa, ou fazer uma associação com uma universidade, para que se faça o programa de monitoramento e salvamento.  

O Complexo Cultural e Científico de Peirópolis é composto pelo Centro de Pesquisas Paleontológicas “Llewellyn Ivor Price”, Museu dos Dinossauros e a extinta Rede Nacional de Paleontologia que hoje constitui a sede do CCCP. Desde a sua criação em 2010, tornou-se um centro de referência nacional em paleontologia desenvolvendo atividades de pesquisa, ensino e extensão. 

*Com informações CCCP/UFTM

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - YSAAC & K.OLIVER

  Por: André Montandon Parceiros de longa data, Ysaac e K.Oliver seguem como eles mesmos dizem: "contrariando as estatísticas". Com muita luta, força, foco e fé, a dupla desenvolve o seu trabalho. E podemos dizer que já são referências em Uberaba e região. Além da carreira solo, eles participam de outros projetos ao lado de feras da cena local, com a Família BMX. Sempre em constante movimento, eles lançaram no mês de maio, o álbum que carrega em seu título o lema da dupla  "Contrariando as Estatísticas", produzido e gravado em São Paulo, conta com vídeo clipe em todas as faixas. Aproveitando o lançamento, batemos um papo com eles. Confira a seguir: - Para começar a nossa entrevista, gostaríamos de saber um pouco mais sobre o processo de produção/gravação do novo álbum? Ysaac/K.Oliver -  Salve família. Máximo Respeito. O processo de produção e gravação do nosso álbum ele veio com muita luta e muita história porque algumas músicas deste álbum duas ou três músicas eu

O ESQUADRÃO UBERABENSE EM TÓQUIO: JOÃO MENEZES

Abrimos a série sobre os nossos representantes nos Jogos de Tóquio 2020, com o atual Campeão Pan-Americano, o tenista João Menezes . Foto:  @joaomenezes12 Com 24 anos de idade, João Menezes é um dos principais nomes do tênis brasileiro na atualidade. Ocupando no momento a 217º posição no ranking da ATP (Associação de Tenistas Profissionais), sendo o terceiro melhor brasileiro.  Apaixonado pelo esporte e  decidido desde muito jovem a ser um atleta profissional,  contou com a influência e o apoio da família, principalmente do  pai e do avô materno que eram praticantes do esporte.   Ouro no  Pan-Americano de  Lima. Foto: Reprodução da internet Já nas categorias de base, Menezes demostrava que não estava para brincadeira. Com bons resultados e títulos,  alcançou  na categoria juvenil  a 21º posição mundial.  Mas nem sempre foi assim. João passou por momentos difíceis nessa trajetória, pensando até em abandonar o esporte devido a resultados que não vinham e principalmente, pelas três cirurg