Pular para o conteúdo principal

BATE-PAPO COM JOÃO CARLOS NOGUEIRA


Por: André Montandon

João Carlos Paranhos Nogueira é um dos grandes nomes do esporte uberabense. Seu currículo é inspirador, abrange prêmios de destaque do ano, participações e títulos em importantes competições do país. Fera na natação, no triatlo e na maratona aquática, João começou a praticar esporte bem cedo, aos seis anos de idade. 

Nas piscinas, são vários pódios, destaque para os títulos no Circuito Brasil e Circuito Paraolímpico. Em 2011, iniciou no Paratriathlon, também conseguindo bons resultados, como a Copa Brasil de 2018. Em 2014, começou na maratona aquática, com diversos títulos na categoria PCD  e sempre estando entre os melhores também contra nadadores sem deficiência, na categoria master. Medalhas em eventos importantes como no Desafio Aquaman, no Circuito de Maratona Aquática do Estado de São Paulo, na Travessia dos Fortes e o Circuito Rei e Rainha do Mar. No ano passado, mais um feito marcante em sua carreira, foi campeão na 52ª edição da Maratona Aquática 14 Bis, cruzando os 24 km do canal de Bertioga a Guarujá, ficando em 68º lugar no geral entre 165 atletas.

Esse ano, após as duas etapas realizadas, o nosso "Aquaman" lidera o Circuito de Maratona Aquática. Com a suspensão das competições devido a pandemia do novo coronavírus, Nogueira segue treinando em casa com a supervisão do seu preparador físico. Confira abaixo, o nosso bate-papo com esse grande paratleta uberabense:

- João quando começou o seu interesse pelo esporte? 

João Carlos Nogueira - Sempre fui atleta desde os meus 6 anos ... mais com maior intensidade as 12 ... e alto rendimento desde 2008

- Em que momento você decidiu se dedicar ao esporte e se tornar um atleta de alto rendimento?

João Carlos Nogueira - Em 2009 quando fiquei em 3º lugar na minha primeira travessia... que foi a última travessia dos fortes de 5 km.


- Quais são as suas principais referências dentro e/ou fora do esporte?

João Carlos Nogueira - Ana Marcela - Recordista Mundial da Maratona Aquática.

- Quais são os desafios/dificuldades de ser um atleta em Uberaba?

João Carlos Nogueira - A falta de visibilidade com os Atleta Paralímpico e em geral... o empresário só investi se ele tiver o retorno da visibilidade da sua empresa.... ele não investe em inclusão social... nós na cidade não temos nenhuma acessibilidade... é Zero André... não existe vaga para deficientes em nenhum lugar público em Uberaba. É o mínimo né... Mercado Municipal, Rodoviária nego, hahah.

- No mês de março, você estava a caminho de uma competição que acabou sendo cancelada na véspera devido a pandemia de Covid-19. São praticamente três meses de suspensão das competições. Como está a sua rotina de treinos neste período de isolamento social?

João Carlos Nogueira - Minha rotina de treinos: em casa com meu treinador físico... Peralta. 1 hora por dia, 6 vezes por semana.


- Você possui diversos títulos em sua carreira, sendo um dos grandes nomes do esporte uberabense. Dentre essas conquistas, qual foi a mais marcante?

João Carlos Nogueira - A competição mais marcante foi ser campeão Brasileiro em 2018 com a última prova em Brasília.

- Qual título você ainda não tem ou competição que não participou, mas, tem desejo de participar, conquistar?

João Carlos Nogueira - Minha vontade era participar da competição 7 mares... e uma competição nos mares do mundo... não foi feito por nenhum deficiente físico... são provas de 40 km até 60 km. Seria uma hora podê representá-los.


- Quais são as suas perspectivas de retorno das competições nesta temporada?

João Carlos Nogueira - André... a temporada deste ano acho eu que foi toda comprometida... pro ano que vem, se eu começar a treinar na água até o mês de agosto, em janeiro estou pronto para as competições de 2021.

- Para encerrar, mande uma mensagem para quem sonha em ser atleta/paratleta e se espelha em você, porém ainda não teve oportunidade ou não ingressou no esporte.

João Carlos Nogueira - Bom... se você gosta do esporte, faça com amor qualquer modalidade que você se identificar... porque isso te leva ao alto rendimento... Nunca pare de Sonhar... e acelere no seu Máximo todos os treinos... faça seu treino uma luta todos os dias. Porque na competição você vai colher o seu trabalho.

Muito obrigado pela atenção João!!!
 Desejamos ainda mais sucesso em sua carreira.

Curtiu a entrevista?
Quer saber mais sobre ele?

Comentários

  1. Legal a trajetória do cara, mesmo com toda dificuldade. Triste que em pleno 2020 nem o básico temos ainda, realmente acessibilidade zero...

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL

Confira as principais lives e eventos dessa semana em Uberaba. Tentaremos manter a lista o mais atualizada possível, adicionando novos eventos à medida que eles forem sendo confirmados.
29 DE SETEMBRO(TERÇA-FEIRA)
youtube.com/culturauberaba
- Carlos Giovanny - 19h30 - Choperia Colorado

30 DE SETEMBRO(QUARTA-FEIRA)
youtube.com/culturauberaba

 01 DE SETEMBRO(QUINTA-FEIRA)
youtube.com/culturauberaba
- Lemes & Petrucci - 19h - Choperia Colorado
- Projeto ao Cubo - 20h - Choperia Arquimedes 
- Thais Fraga & Elias Jr. - 21h - Cuba Jazz Club
02 DE SETEMBRO(SEXTA-FEIRA)
- Hamid Mauad - 19h - Choperia Colorado
- Funk & Soul das Gringas (Playlist) - 19h - Laboratório 96
- Denilson & Tiago - 19h - Recanto da Praça 
- Emerson Dibadá - 20h - Bão de Prosa Buteco
- Pfizer Trio - 20h - Choperia Arquimedes
- Charles Jr. - 20h - Soho Pub
- Igor e Caio - 21h - Getúlio Choperia 
- Roggs - 21h - Cuba Jazz Club
03 DE SETEMBRO(SÁBADO)

- Denilson & Tiago - 18h - Choperia Colorado
- Laboratoriando (Playlist) - …

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - ANDDRE MAFRA

Por: André Montandon Apresentando uma estética que une reflexões pessoais com loops de voz, violão, guitarra, batidas eletrônicas e efeitos, Anddre Mafra transita entre o indie-folk e o experimental de forma intimista em seu formato solo de "one man band".
Trazendo à tona suas vivências e consequências existenciais, o músico, cantor e compositor cria uma atmosfera particular: a imersão em uma sensibilidade latente. 
Em 2019 lançou o pri­meiro trabalho autoral, o EP ‘’Vou Dizer Que Sou Fe­liz (VDSF)’’, produzido por Marcos Paulo Guimarães.
Em agosto deste ano, apresentou o EP “Octopios”. Primeiro em que além das melodias e letras, todo processo de produção foi realizado pelo própria artista. O trabalho conta com a distribuição da Tratore e está disponível nas principais plataformas digitais. Conferir a seguir, a nossa entrevista com esse grande artista:- Como foi o processo de produção e escolha do nome do novo EP?Anddre Mafra - O EP inteiro foi gravado e produzido por mim dura…