Pular para o conteúdo principal

JOÃO MENEZES ESTRÉIA NO CHALLENGER DE CAMPINAS E ERCILEIDE E JOSÉ CARLOS NA COPA AMÉRICA DE BOCHA


Nas quadras de saibro da Sociedade Hípica,  o tenista uberabense João Menezes, fez sua estréia na tarde dessa terça-feira (01), na chave simples e de duplas do Challenger de Campinas


Foto: Divulgação/Instituto Sports

Por ser o cabeça de chave nº9, João Menezes (207º) entrou diretamente na segunda rodada da chaves de simples, encarando logo de cara um velho conhecido, o gaúcho Orlando Luz (327º). Seu parceiro de vários torneio de duplas, como na última edição do Challenger de Buenos Aires, onde chegaram até as quartas-de-final. Deixando a amizade de lado, os atletas realizaram um grande duelo. Com Orlandinho levando a melhor com um duplo 6/4, garantindo a classificação para a próxima fase.

Em seguida, foi a vez da disputa em duplas. Onde o uberabense ao lado do chileno Alejandro Tabilo, derrotaram os brasileiros Guilherme Clezar e André Ghem por 2 sets a 0 (7/5, 6/3), conquistando a vaga para as quartas de final do torneio.
                                                                  -----------------
Em São Paulo, os atletas da ADEFU, Ercileide Laurinda da Silva e José Carlos Chagas, iniciaram a caminhada com a seleção brasileira em busca da classificação para os Jogos Paraolimpíadas de Tokyo 2020, no Bisfed 2019 São Paulo Boccia America Regional Championships (Copa América de Bocha) no CT Paralímpico. A delegação brasileira conta ainda, com a uberabense Hindielle Andrade na função de staff.

Ercileide, Hidielle e José Carlos. Foto: Reprodução internet

Pela classe BC4, Ercileide estreou com uma grande vitória sobre o argentino Khalil Profiti por 12 a 0. Em seguida, teve um duelo equilibrado com o colombiano Euclides Grisales, que levou a melhor no confronto, com a vitória por 6 a 3. Ela volta a ação, na tarde dessa quarta-feira, para encarar o chileno Matias Alcaino. 

Já José Carlos, abriu a disputa na classe BC1 com um grande vitória por 9 a 0 sobre o canadense Lance Cryderman. E na tarde nessa quarta-feira, terá pela frente a argentina Ailen Flores.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - MÁRCIO ANDRÉAS

Por: André Montandon
Com 20 anos de carreira, o músico e compositor uberabense Marcio Andréas, lançou em 2016 o seu primeiro trabalho solo "Cada um na sua galáxia". Foi vocalista dos Baltazares, banda de rock bastante conhecida no circuito independente de Minas Gerais. Em seu novo projeto lançado no final de 2019, intitulado de "O Jardim", o músico apresenta um som bastante original, com mais maturidade. As canções passeiam pelo rock, folk e mpb, mas tudo em perfeita sintonia mostrando uma profunda evolução alcançada em todos esses anos de estrada.
Com uma agenda bastante movimentada o músico se apresenta em vários formatos: shows mais intimistas, pocket shows, ou acompanhado de uma banda extremamente competente que vem arrancando elogios por onde passa, sendo considerado uma grande promessa da nova música mineira. Em seu currículo, o músico ostenta apresentações ao lado de grandes nomes do cenário nacional como: Pato Fu, Biquini Cavadão, Tico santa Cruz, Raimundos…

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - MANILLÊ

Por: André Montandon

Cantora e compositora, Manillê, tem a música correndo em suas veias desde cedo, tendo nos videoclipes uma grande influência. Mas a decisão de trocar uma "vida cotidiana" para investir no sonho de brilhar nos palcos, aconteceu durante a faculdade.

Esse ano, ela chegou com tudo e emplacou logo de cara o hit "Não vai ter Jeito", que já conta com mais de 5 mil visualizações no seu canal no Youtube.  
Confira a seguir, a nossa entrevista com um dos novos nomes da música uberabense, Manillê:

- Como a música entrou em sua vida?
Manillê - A música sempre esteve na minha vida, desde que eu me lembro eu assistia clipes no orkut e tinhas videos salvos no meu computado antigo. O visual sempre me chamou atenção, então sempre fui apaixonada pelos vídeos das faixas e toda a construção audiovisual que acompanhava as canções. Não tem um dia sequer que eu não escute a minha playlist, seja quando estou no ônibus ou no momento que faço meus exercícios. 
- Em que mom…