Pular para o conteúdo principal

TAC ENTRE CODAU E MPMG VIABILIZARÁ CONSTRUÇÃO DE UM MIRANTE EM UBERABA


A Companhia Operacional de Desenvolvimento, Saneamento e Ações Urbanas (Codau) e o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) assinaram, na manhã desta quarta-feira, no Centro Administrativo da Prefeitura de Uberaba, um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) para a construção de um mirante na Univerdecidade. 

Foto: CODAU/Divulgação
O projeto chamado de "Mirante Uberaba 200 anos", prevê a construção de espaços de educação ambiental, convivência, lazer, turismo. Com uma galeria de arte aberta, áreas verdes para realização de eventos, feiras e shows abertos ao público, e iluminação controlada para uso do espaço como observatório para astrônomos amadores em uma área de 70 mil m², próximo ao Parque Tecnológico e ao lado do Centro de Soluções Compartilhadas da Mosaic. O espaço contará ainda, com  iluminação controlada para permitir uso do espaço e observatório para astrônomos amadores. Além de estacionamento para carros, motos e um bicicletário.

Foto: CODAU/Divulgação
De responsabilidade da CODAU, a obra vai custar cerca de R$ 800 mil e deve ser iniciada nos próximos dias, com previsão de entrega para o dia 2 de março do próximo ano, na comemoração dos 200 anos de Uberaba.  

O mirante vai se integrar às matas existentes no córrego das Lajes e rio Uberaba, que estão bem próximos. Também está prevista a formação de um corredor ecológico para favorecer a fauna e flora.   

Foto: CODAU/Divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BATE-PAPO COM O TENISTA JOÃO MENEZES

Por: André Montandon


Com apenas 22 anos, João Menezes já é um dos principais nomes do tênis brasileiro. Vivendo o seu melhor momento na carreira, o uberabense ocupa atualmente a 210º posição no ranking mundial da ATP (Associação de Tenistas Profissionais), sendo o terceiro melhor brasileiro. Apaixonado pelo esporte, o atleta contou com a influência e o apoio da família no desenvolvimento no tênis. Agora com a conquista da medalha de ouro nos Jogos Pan-americanos, busca alcançar grandes títulos e chegar forte nas Olimpíadas de Tokio 2020.
Mas nem sempre foi assim. João passou por momentos difíceis nessa trajetória, pensando até em abandonar o esporte devido a resultados que não vinham e principalmente, pelas três cirurgias no joelho esquerdo e uma lesão na coluna. Mas, pelo apoio do pai, seu grande incentivador, ele retomou os treinamentos em busca dos seus sonhos. 
Confira o nosso bate-papo com esse grande atleta uberabense:
- João, quando começou o seu interesse pelo tênis; os primeir…

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL