Pular para o conteúdo principal

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - VIVENDO DO ÓCIO

Por: André Montandon
Vivendo do Ócio. Foto: Reprodução da Internet
Foi no centro histórico de Salvador que surgiu em 2006 um dos maiores representantes da cena alternativa brasileira, o Vivendo do Ócio, formada por Jajá Cardoso (vocal e guitarra), Luca Bori (baixo e vocal), Davide Bori (guitarra e backing vocal) e Dieguito Reis (bateria e backing vocal) que por sua personalidade sonora conquistou o publico e a critica, além diversos prêmios. 

Nesse final de semana, teremos o prazer de recebe-los em nossa cidade para uma apresentação no Festival Luck Box. E para aproveitar essa oportunidade a banda nos concedeu uma grande entrevista. Confira:


Nesse ano, a banda completou 10 anos de carreira. Conte um pouco dessa trajetória?

Vivendo do Ócio - A gente nem se dá conta as vezes que já passou tanto tempo, quando fazemos o que a gente gosta, o tempo passa sem pesar. Nesses 10 anos foi muita estrada, aprendemos e crescemos uns com os outros, pessoalmente e musicalmente, além das mais de 60 cidades brasileiras que passamos, tivemos a chance de levar nosso som a outros cantos do mundo tocando na Itália, Inglaterra e Holanda e assim ganhando reconhecimento através do público, critica e prêmios. Foram muitos bons acontecimentos e conquistas, porém sempre nos vemos como iniciantes, garotos aprendendo, essa é a essência para nunca parar de crescer.

Como foi realizar a produção desse terceiro álbum de forma independente através do financiamento coletivo?

Vivendo do Ócio - Foi ótima, ultrapassamos 15% da meta, bolamos recompensas que os colaboradores curtiram muito, assim como a gente também, entre essas até fazer um show acústico na casa das pessoas, isso fortaleceu ainda mais nossa relação com o público. Foi bom voltar ao independente com as experiências que adquirimos em alguns anos na gravadora.

Capa do novo CD. Foto: Reprodução da Internet

Como está a recepção e a turnê desse novo álbum "Selva Mundo"?

Vivendo do Ócio - Muito boa, tanto o público como a critica gostaram do album, estamos rodando o Brasil e ampliando cada vez mais a divulgação do disco.

Ser uma banda independente no Brasil é um grande desafio? A internet é uma aliada ou um empecilho nessa jornada?

Vivendo do Ócio - A internet sempre vai ser aliada, é um espaço democrático, onde todos tem acesso, construímos muito da nossa relação com o público pela net. É onde as pessoas podem ouvir e ver o que é produzido, apesar de redes sociais como o Facebook irem contra esse conceito de informação livre, bloqueando o conteúdo para pessoas que te seguem por livre e espontânea vontade em troca de dinheiro, isso é um absurdo, mas infelizmente é a maior de todas e temos que lhe dar com essa mafia.

Como vocês enxergam a música brasileira atual?

Vivendo do Ócio - Está ótima, em todas as vertentes temos artistas sensacionais, muitos deles independentes e isso é maravilhoso para a cultura do país.

Para finalizar, gostaríamos que vocês convidassem a galera de Uberaba e região para conferira o 1º show da banda na "Terra do Zebu.

Vivendo do Ócio - Esperamos todos os patcharas lá, sejam bem amigos dos seus amigos e convidem eles para irem e não fiquem de fora por que vai ser bom demais da conta!

 Festival Luck Box


Conheça o trabalho da banda: facebook.com/vivendodoocio     http://www.vivendodoocio.com/


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - YSAAC & K.OLIVER

  Por: André Montandon Parceiros de longa data, Ysaac e K.Oliver seguem como eles mesmos dizem: "contrariando as estatísticas". Com muita luta, força, foco e fé, a dupla desenvolve o seu trabalho. E podemos dizer que já são referências em Uberaba e região. Além da carreira solo, eles participam de outros projetos ao lado de feras da cena local, com a Família BMX. Sempre em constante movimento, eles lançaram no mês de maio, o álbum que carrega em seu título o lema da dupla  "Contrariando as Estatísticas", produzido e gravado em São Paulo, conta com vídeo clipe em todas as faixas. Aproveitando o lançamento, batemos um papo com eles. Confira a seguir: - Para começar a nossa entrevista, gostaríamos de saber um pouco mais sobre o processo de produção/gravação do novo álbum? Ysaac/K.Oliver -  Salve família. Máximo Respeito. O processo de produção e gravação do nosso álbum ele veio com muita luta e muita história porque algumas músicas deste álbum duas ou três músicas eu

UBERABENSES SÃO CONVOCADOS PARA AS PARALÍMPIADAS DE TÓQUIO

  Ercileide da Silva , José Carlos Chagas e Poliana Sousa  da Associação dos Deficientes Físicos de Uberaba - Adefu, foram convocados  pelo Comitê Paralímpico Brasileiro - CPB  na tarde desta terça-feira (6), para os  Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020 . Ercileide e Zé Carlos competem pela classe BC4 e BC1  da bocha, respectivamente. Já Poliana pela classe F54 do lançamento de dardo. Foto:  @funel.uberaba Não poderíamos deixar de destaque também, a convocação da uberabense e ex-paratleta da Adefu, Raissa Rocha Machado . Que hoje integra a equipe do Instituto Elisângela Maria Adriano -  IEMA   , de São Caetano do Sul-SP. Raissa é atleta da classe F56 do lançamento de dardo. Foto:  @raissarochamachado Foram ao todo 253 convocados, maior delegação brasileira para uma edição dos Jogos fora do Brasil. O número só é superado pela participação nos Jogos Rio 2016, já que o Brasil garantiu vagas em todas as modalidades por ser país sede e contou 286 atletas no total. Os Jogos de Tokyo 2020, ser