Pular para o conteúdo principal

VAMOS AO CINEMA?


ESTREIA DA SEMANA NO CINEMAIS E KINOPLEX UBERABA-MG



Julieta vive em Madri com sua filha Antía. Ambas sofrem em silêncio por conta da perda de Xoan, pai de Antía e marido de Julieta. Mas, quando a dor não aproxima as pessoas, ela separa. Quando Antía completa dezoito anos, ela abandona a mãe sem dar explicações. Julieta procura por ela de todas as maneiras, mas apenas descobre o quão pouco conhece sobre sua filha. JULIETA fala sobre a luta de uma mãe que vive uma incerteza. Mas fala também sobre destino, complexo de culpa e o mistério que nos leva a abandonar pessoas que amamos, a deletar pessoas de nossas vidas como se elas nunca tivessem representado nada, como se elas nunca tivessem existido.

Classificação Indicativa e horário de exibição:

12 anos


Leg. - 16h00B, 18h40, 20h50

B - Exceto sábado (13/08)(13/08), domingo (14/08)(14/08)





Os irmãos Mike e Dave tem fama de arruinarem as festas da família. Sabendo disso, sua irmã, que está de casamento marcado, decide que eles só irão ao casório se encontrarem parceiras que os controlem. Depois de colocarem um anúncio online, duas meninas dos sonhos aparecem. O que eles nem desconfiam é que as duas são as suas versões femininas - fazendo de tudo para manter a classe e ganhar uma viagem de graça para o Havaí.


Classificação Indicativa e horário de exibição:

16 anos


Leg. - 21h10 / Dub. - 15h20, 18h50


Dub. - 20:40



Uma mulher, com uma vida aparentemente perfeita - bom casamento, filhos exemplares, ótimo emprego, etc - acaba ficando estressada além do ponto com as obrigações de sua vida. Cansada desse estado, ela se une a duas outras mulheres que passam pelos mesmos problemas que ela para sair em uma jornada de libertação.

Classificação Indicativa e horário de exibição:

14 anos


Dub. - 15h30, 19h10 / Leg. - 21h25


Dub. - 14:30 - 16:50 / Leg. - 19:10 - 21:30



Antes de se tornar um agente da CIA, Bob foi um nerd que sofria bullying na época do colégio. Já na agência, para resolver um caso ultrassecreto, ele recorre a um antigo colega, popular nos tempos da escola, hoje contador.

Classificação Indicativa e horário de exibição:

14 anos


Leg. - 17h20, 21h50 / Dub. - 15h10, 19h40


Dub. - 16:10 / Leg. - 18:30 - 20:50

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BATE-PAPO COM JOÃO CARLOS NOGUEIRA

Por: André Montandon

João Carlos Paranhos Nogueira é um dos grandes nomes do esporte uberabense. Seu currículo é inspirador, abrange prêmios de destaque do ano, participações e títulos em importantes competições do país. Fera na natação, no triatlo e na maratona aquática, João começou a praticar esporte bem cedo, aos seis anos de idade. 
Nas piscinas, são vários pódios, destaque para os títulos no Circuito Brasil e Circuito Paraolímpico. Em 2011, iniciou no Paratriathlon, também conseguindo bons resultados, como a Copa Brasil de 2018. Em 2014, começou na maratona aquática, com diversos títulos na categoria PCD  e sempre estando entre os melhores também contra nadadores sem deficiência, na categoria master. Medalhas em eventos importantes como no Desafio Aquaman, no Circuito de Maratona Aquática do Estado de São Paulo, na Travessia dos Fortes e o Circuito Rei e Rainha do Mar. No ano passado, mais um feito marcante em sua carreira, foi campeão na 52ª edição da Maratona Aquática 14 Bis, …

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - RENATO CALANGO

Por: André Montandon O músico, compositor, poeta, interprete e produtor Renato Calango tem a música em seu DNA.Juntamente com outros talentosos artistas criaram o Movimento Calango. A intenção do Movimento e dos que o vivenciam, é criarem composições musicais em vários estilos diferentes, agregando a maior diversidade de sonoridade possível, buscando uma alta carga de liberdade criativa sem se desligarem das suas ecléticas preferências e influências musicais, culturais, artísticas e ideológicas.Tem a característica de ser uma proposta artístico-musical aberta, na tentativa de realizar as mais diversas parcerias com os mais diferentes tipos de artistas e pensadores, tanto para compor, quanto para produzir e se apresentar ao vivo.Não seguem nenhum estilo musical, mas caminham por vários deles, desde que seja uma proposta artística viável, de bom gosto, harmoniosa ou até mesmo quando estiver fora da “beleza” convencionalmente imposta. Tentam, na medida do possível, se despir de pré-concei…