Pular para o conteúdo principal

ENTREVISTA COM A BANDA PATO FU

Foto: Facebook Nômade Produções 






                                                                          Uma das atrações do projeto "Diversão e Arte: música para crianças de todas as idades" realizado em julho, na Praça da Abadia em Uberaba, foi a banda mineira Pato Fu. O grupo apresentou o show "Música de Brinquedo", com a participação do grupo Giramundo. E como o próprio nome do evento diz, reuniu "crianças de todas as idades"que ficaram encantadas com a apresentação. O disco desse projeto foi todo gravado com instrumentos de brinquedo ou miniaturas, além de instrumentos ligados à musicalização infantil.

Como não foi possível realizarmos a cobertura desse belo evento. Entramos em contato com a banda, que nos concedeu a entrevista. Confira:

Zebunarede - O disco "Musica de Brinquedo" foi um sucesso de vendas e recebeu diversos prêmios. Existe a intenção de lançamento do segundo álbum?

John Ulhoa (fundador, guitarrista e produtor da banda) - Estamos preparando uma sequência sim, maturando umas idéias pra algo que esteja à altura do primeiro que foi um sucesso muito espontâneo, mas agora, acho que já carrega uma certa expectativa...

Zebunarede - Esse trabalho foi o primeiro da banda com o seu selo independente da Rotomusic. A "ruptura" com as gravadoras "tradicionais" deram uma maior flexividade para os artistas em suas criações e contato com o publico?

John Ulhoa - Acho que não no nosso caso. Liberdade artística sempre tivemos. Pode ser que seja diferente pra outros artistas, mas o que mudou pra gente foi mesmo a forma de distribuir e de promover. Talvez o Música de Brinquedo tivesse alguma dificuldade de ser aceito como projeto dentro de uma gravadora, mas pelo que nos conheço a gente faria de qualquer jeito.

Zebunarede - Qual é a opinião da banda sobre o influencia das mídias digitais na divulgação do trabalho?

John Ulhoa - As mídias digitais são mais divertidas e menos eficientes do que eram radio, tv, jornais, revistas. É muito disperso, mas ao mesmo tempo bastante acessível pra qualquer banda iniciante. Então é legal, porque você rapidamente cria seguidores, pessoas opinam sobre seu trabalho, etc. O difícil é a profissionalização do músico só a partir dessa web-fama. Ou seja, as mídias digitais hoje em dia são fundamentais, mas todos ainda estão aprendendo a usá-las.

Pato Fu. Foto: Reprodução internet

Agradecemos a banda pela atenção e especialmente ao John pela entrevista.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL

UBERABA SE DESTACA NA ETAPA DECISIVA DO REGIONAL DE HANDEBOL

Nesse ultimo final de semana, mais de 500 atletas de Uberaba e região, se reuniram em nossa cidade para a disputa da etapa decisiva da 4ª edição da Liga de Handebol do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba(LHaTMAP),com destaque para o excelente desempenho das equipes Uberabenses.
Classificado para semi-final em todas as categorias disputadas, as equipes da Acevale Handebol/Funel/Uberaba, conquistaram com apoio da torcida no Ginásio da Funel (antigo CEMEA Abadia), os títulos nas categoriasCadete Feminino, Juvenil Feminino e Adulto Masculino e a medalha de bronze no Cadete Masculino, Júnior Masculino e Adulto Feminino. Além do Título Geral da Competição.







Mesmo com a frustração de não participar esse ano da Liga Nacional, o Presidente e Goleiro da equipe Adulta da Acevale Bruno Cruz, acredita que a temporada foi muito importante não só pelos resultados, mas pelo trabalho desenvolvido, principalmente no feminino. "Foi uma temporada difícil, porque tivemos a decepção de não conseguir pa…