Pular para o conteúdo principal

NÃO ACREDITO????

"Câmara aprova por unanimidade fim do pagamento de 14º e 15º salários a parlamentares"

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira, o projeto que determina o fim dos 14º e 15º salários pagos aos parlamentares. O projeto não precisa de sanção presidencial e entrará em vigor imediatamente. A votação foi simbólica e houve unanimidade.

A proposta, de autoria da senadora licenciada Gleisi Hoffman (PT-PR), atual ministra-chefe da Casa Civil, foi aprovado há cerca de nove meses no Senado e estava parado na Câmara de Deputados até hoje.

Atualmente, os parlamentares recebem 15 salários, cada um de R$ 26,7 mil, por ano. Os dois pagamentos a mais são feitos em fevereiro e em dezembro de cada ano, a título de ajuda de custo. O depósito de fevereiro de 2013 já foi realizado.

Agora você lê uma noticia dessa e diz: "Nossa a potilica brasileira estão mundando", "Agora vai". Infelizmente, aqui no país nem tudo que parece que acaba, acaba mesmo.  Com o fim dos salários extras, o projeto prevê que os parlamentares ainda continuem recebendo dois salários a mais, um no início e outro no final do mandato. Ou seja, para os deputados, a cada quatro anos; para os senadores, a cada oito anos.

Foto: Reprodução internet
É brincadeira! Qual é a necessidade de ajuda de custo??

Brasileiros temos de tomar vergonha na cara! Vamos lutar pelo nossos direitos.

Para eles o sálario que você trabalhador recebe é muito, que é o reajuste de "X"% no sálario minimo pode desequilibrar as finanças, SERÁ????

Eu não sou bom em matemática, mas acredito que o salario deles + ajutas de custos gera um impacto maior de R$ 678,00 valor do minimo atualmente.

 E você????













Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BATE-PAPO COM O TENISTA JOÃO MENEZES

Por: André Montandon


Com apenas 22 anos, João Menezes já é um dos principais nomes do tênis brasileiro. Vivendo o seu melhor momento na carreira, o uberabense ocupa atualmente a 210º posição no ranking mundial da ATP (Associação de Tenistas Profissionais), sendo o terceiro melhor brasileiro. Apaixonado pelo esporte, o atleta contou com a influência e o apoio da família no desenvolvimento no tênis. Agora com a conquista da medalha de ouro nos Jogos Pan-americanos, busca alcançar grandes títulos e chegar forte nas Olimpíadas de Tokio 2020.
Mas nem sempre foi assim. João passou por momentos difíceis nessa trajetória, pensando até em abandonar o esporte devido a resultados que não vinham e principalmente, pelas três cirurgias no joelho esquerdo e uma lesão na coluna. Mas, pelo apoio do pai, seu grande incentivador, ele retomou os treinamentos em busca dos seus sonhos. 
Confira o nosso bate-papo com esse grande atleta uberabense:
- João, quando começou o seu interesse pelo tênis; os primeir…

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL