Pular para o conteúdo principal

O brasileiro

Foi noticiado essa semana que o Brasil superou o Reino Unido, e agora é a 6ª maior economia do mundo. O levantamento foi realizado pelo CEBR - Centro de Pesquisa para Economia e Negócios que projetou que o PIB brasileiro atingirá a US$ 2,52 trilhões esse ano.

A frente do Brasil estão apenas:

1º Estados Unidos
2º China
3ºJapão
4º Alemanha
5ºFrança

O Ministro da Fazenda, Guido Mantega, afirmou que o Brasil ainda levará de 10 a 20 anos para atingir o padrão de vida europeu, mais garantiu que logo ultrapassaremos a França e Alemanha, pois suas economias estão "em marcha lenta".

Ah! Estão o Brasil já é quase de "Primeiro Mundo"?

Na verdade não, enfrentamos ainda em pleno seculo XXI uma grande desigualdade social, e pelo comentário do nosso ministro da fazenda, esse distanciamento econômico no país permanecerá por muito tempo.

A renda per capita do brasileiro é de US$ 10,7 mil, em 2010 e do Reino Unido de US$ 36,2 mil, conforme dados recentes do Banco Goldman Sachs. No ranking que mede o Índice do Desenvolvimento Humano (IDH) da Organização das Nações Unidas (ONU) o Brasil ocupa a 84ª posição, atrás de vizinhos como Chile, Argentina, México, Bahamas, Panamá e Venezuela.

 Mais de quem é a culpa? nossa? minha? sua?

Acreditamos que essa diferença não é culpa da maior parte da sociedade (pobre e trabalhadora), mais sim da falta de compromisso de nossos representante, que nesse momento, nós faz relembrar dos debates realizados no ano passado para a Presidência da Republica, muito coisa foi dita, diversas área abordada, além de assuntos sem importância. Mais uma área essencial foi esquecida, o saneamento básico, que nem todos os brasileiros possuem, afetando assim a qualidade de vida da população (no baixo rendimento escolar, na saúde de todos nós).

Estamos cansados de ver todos os dias, noticias sobre corrupção, desvios de verbas e outros mais. Se pararmos para pensar se todos esse recursos fosse administrados de forma correta e justa, será que o nosso Brasil já não seria a "maior economia do mundo"?

Mas realmente que está errado, eles ou nós?

 




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BATE-PAPO COM JOÃO CARLOS NOGUEIRA

Por: André Montandon João Carlos Paranhos Nogueira  é um dos grandes nomes do esporte uberabense. Seu currículo é inspirador, abrange prêmios de destaque do ano, participações e títulos em importantes competições do país. Fera na natação, no triatlo e na maratona aquática, João começou a praticar esporte bem cedo, aos seis anos de idade.  Nas piscinas, são vários pódios, destaque para os títulos no Circuito Brasil e Circuito Paraolímpico. Em 2011, iniciou no Paratriathlon, também conseguindo bons resultados, como a Copa Brasil de 2018. Em 2014, começou na maratona aquática, com diversos títulos na categoria PCD  e sempre estando entre os melhores também contra nadadores sem deficiência, na categoria master. Medalhas em eventos importantes como no Desafio Aquaman, no Circuito de Maratona Aquática do Estado de São Paulo, na Travessia dos Fortes e o Circuito Rei e Rainha do Mar. No ano passado, mais um feito marcante em sua carreira, foi campeão na 52ª edição da Maratona Aquátic

CONHEÇA BEN HEINE

Ben Heine. Foto: Reprodução internet Ben Heine  é um talentoso artista belga, que cria surpreendentes desenhos tridimensionais. Depois de finalizar o trabalho, Ben Heine tira fotos de si mesmo interagindo com sua obra e o resultado é surpreendente. Ele descreve a si mesmo como um artista visual multidisciplinar que é inspirado pelas pessoas e pela natureza.  Heine cresceu em Abidjan, Costa do Marfim, onde viveu por sete anos com seus pais e três irmãs antes de volta para Bruxelas em 1990. Ele é conhecido internacionalmente por seus trabalhos muito criativos projetos  “Pencil Vs Camera“  e "Circlism Digital" .   O primeiro, envolve a mistura de desenho e fotografia, a imaginação e a realidade, através da ilusão e do surrealismo. No segundo projeto, Heine geralmente faz retratos de celebridades / ícones culturais com ferramentas digitais usando círculos planos sobre um fundo preto. Cada círculo tem uma única cor e um único tom. Através do uso de softwares gráficos