Pular para o conteúdo principal

Mais magra que a filha

Depois de passar metade da vida sofrendo de anorexia, aos 26 anos Rebecca Jones, da cidade de Manchester, na Inglaterra, pesa apenas 32 kg. Menos que a filha dela, Maisy, de sete anos, que pesa 36 kg.

Foto: Reprodução / Mail Online

Segundo reportagem do jornal “Daily Mail”, Rebecca sobrevive comendo torradas, sopas e bebidas energéticas. Ela já foi alertada pelos médicos que a falta de nutrientes na dieta podeira matá-la.

O distúrbio alimentar de Rebecca começou com a separação dos pais, quando ela tinha 11 anos. Aos 13, Rebecca já tinha praticamente parado de comer.

Rebecca conheceu o pai de Maisy quando tinha 19 anos, na escola. Ela achou que a anorexia a tivesse deixado infértil e não tinha ideia de que estava grávida, até que sentiu um chute. Em seguida, uma ultrassonografia revelou que ela estava com mais de seis meses de gestação.

Os médicos receitaram pílulas de vitamina e pediram que ela ingerisse proteína para ajudar o bebê, mas o estômago dela não estava habituado com esse tipo de alimentação. Rebecca passou toda a gravidez comendo muito pão e beterraba e só engordou 3 kg durante toda a gestação. Maisy nasceu saudável, pesava apenas 2,2 kg.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - TUYO

Por: André Montandon Um dos principais nomes da música independente da atualidade, retornou à Uberaba no dia 15 de abril, a convite do Laboratório 96, para um show super especial em comemoração ao 6 anos deste importante espaço cultural, no Teatro Sesi Minas. Mesmo em meio a "turbulência" provocada pela pandemia da Covid-19, Jean Machado e as irmãs Lilian (Lio) e Layane Soares (Lay) , apresentaram ao público em 2021, o seu terceiro álbum  - "Chegamos Sozinhos em Casa", que foi recebido com muito carinho pelos fãs e pela crítica especializada. O reconhecimento deste novo trabalho foi confirmado com indicações ao Prêmio Multishow na categoria “Canção do Ano” com a música “Sonho da Lay” e ao Grammy Latino na categoria "Melhor Álbum de Pop Contemporâneo em Língua Portuguesa". Única banda brasileira a integrar o show de abertura do Festival South by Southwest 2022 (SXSW), realizado em março, a Tuyo agora apresenta um novo registro de sua ida a Austin, no Texa

CONQUISTAS UBERABENSES NO ATLETISMO PARALÍMPICO E NO JIU-JITSU

  As feras  José Humberto Rodrigues  (popularmente conhecido como Batata) e  Poliana Sousa  da Associação dos Deficientes Físicos de Uberaba - ADEFU , conquistaram três medalhas de ouro na  classe  F54 da   2ª  Etapa Nacional do Circuito Loterias Caixa de Atletismo Paralímpico , realizada  nos dias 18 e 19 de junho,  no Centro de Treinamento Paralímpico, em São Paulo/SP.  Contando com a supervisão do técnico Célio Tavares, Batata sagrou-se campeão no  lançamento de dardo  com a  marca de 23,78m.  Já Poliana, garantiu os títulos no  arremesso de peso e  lançamento de dardo  após atingir as marcas de  13,91m e  5,49m, respectivamente.     Ao todo, foram mais de 200 atletas participantes desta etapa.  Destaque ainda para  a craque Raissa Machado ,  ex-atleta da ADEFU que atualmente defende a IEMA de São Caetano do Sul/SP, que com um arremesso de 23,91m, garantiu a medalha de ouro na classe F56 do lançamento de dardo . A segunda  dela nesta temporada da competição. 🥇  Raissa, Batata, Poli