Pular para o conteúdo principal

Shopping é multado em R$ 4,5 mil por pintura na Barão do Rio Branco

Shopping Uberaba foi multado por infração ao Código de Posturas do Município. Os agentes da Secretaria de Trânsito e Transportes notificaram ontem o centro de compras por ter mudado a sinalização de trânsito na avenida Barão do Rio Branco sem autorização da prefeitura.

De acordo com subsecretário de Trânsito e Transporte, coronel Antônio de Sousa Filho, o Código de Posturas do Município, no artigo 205, diz que a implantação de sinalização tanto horizontal como vertical é de competência da prefeitura. Ainda no Código, no artigo 206, inciso 2º, diz ser expressamente proibido pintar faixas de sinalização de trânsito na pista de rolamento.

“A prefeitura não tinha conhecimento do projeto e nem mesmo aprovou a mudança, que vai de enfretamento a algumas modificações que a prefeitura vai fazer no bairro São Benedito. Estive no Shopping, junto com os agentes da Guarda Municipal, lavramos um boletim de ocorrência, alguns materiais foram apreendidos e o Setor de Posturas notificou e autuou o Shopping”, explica o coronel.

A sinalização tomou conta de um terço da via, o que dificultou o trânsito no local. Segundo o diretor do Departamento de Posturas do município, Renato Formiga, o Shopping cometeu uma infração grave e foi multado em 30 Unidades Fiscais do Município, equivalente a R$4.500.

Por sua vez, de acordo com o superintendente do Shopping Uberaba, Guilherme Vilela, foi contratada uma empresa especializada para seguir um projeto de pintura da sinalização interna e também na avenida Barão do Rio Branco, por ser uma das vias acesso ao centro lojista. “Através de um estudo de impacto de vizinhança, estava prevista uma contrapartida para a pintura da sinalização das ruas do entorno do Shopping”, explica o superintendente, ressaltando que a técnica usada pela empresa é a mesma implantada na avenida Cândida Mendonça Bilharinho.

Guilherme assume que houve o equívoco por parte da empresa que realizou o serviço, pois era necessário comunicar à prefeitura antes de realizar o serviço. “O Shopping entende que o projeto está correto, os engenheiros e projetistas irão demonstrar aos técnicos da prefeitura que não houve erros. Depois de provarmos tudo isso, com certeza a conclusão será de que não será necessário fazer a pintura novamente”, afirma Guilherme, ressaltando que se for provado que a pintura foi de forma errônea, o Shopping arcará  com suas responsabilidades.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - YSAAC & K.OLIVER

  Por: André Montandon Parceiros de longa data, Ysaac e K.Oliver seguem como eles mesmos dizem: "contrariando as estatísticas". Com muita luta, força, foco e fé, a dupla desenvolve o seu trabalho. E podemos dizer que já são referências em Uberaba e região. Além da carreira solo, eles participam de outros projetos ao lado de feras da cena local, com a Família BMX. Sempre em constante movimento, eles lançaram no mês de maio, o álbum que carrega em seu título o lema da dupla  "Contrariando as Estatísticas", produzido e gravado em São Paulo, conta com vídeo clipe em todas as faixas. Aproveitando o lançamento, batemos um papo com eles. Confira a seguir: - Para começar a nossa entrevista, gostaríamos de saber um pouco mais sobre o processo de produção/gravação do novo álbum? Ysaac/K.Oliver -  Salve família. Máximo Respeito. O processo de produção e gravação do nosso álbum ele veio com muita luta e muita história porque algumas músicas deste álbum duas ou três músicas eu

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - MENINO MESTIÇO

Por: André Montandon e Verônica Furtado Natural de Uberaba, Guilherme de Oliveira Junior, mais conhecido como Menino Mestiço é tido como uma dos grandes letristas da região. Escrevendo desde 2007, suas letras fomentam reflexão, constroem diálogos e empodera aqueles que são invisibilizados pela sociedade. Atuante na cultura Hip-Hop desde 2011 através das batalhas de MCs, em 2015 conseguiu de forma independente distribuir sua primeira mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita em Si Mesmo" , contendo as canções "Cantiga de Roda", "Queijo Minas" e "Negro Não Nego" música que ficou em terceiro lugar no Festival de Música autoral de Uberaba. No ano seguinte, se consolida como promessa na região com sua segunda mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita e Vai à Luta" , com destaques para os sons "Sem Sinal de Vida", "Anos 2000" e "Gatilho da Revolução. O artista também é responsável por inúmeras atividades como apres