Pular para o conteúdo principal

Festival de Cinema reúne várias disputas e mostras

Uberaba sedia mais uma vez, por meio do Sesiminas/Centro de Cultura José Maria Barra, a Mostra Sesi de Cinema - Prêmio Curta-Metragem. Em sua segunda edição, a Mostra faz parte da programação do Festival de Cinema de Uberaba. As atividades do festival estão sendo realizadas desde segunda-feira, mas a abertura oficial foi ontem, no Teatro Sesiminas.

Desde o início da semana as atividades começaram com diversas oficinas. Na abertura do evento houve a apresentação do Quinteto de Cordas, um grupo de Ribeirão Preto, e hoje começa a mostra competitiva. A disputa é pelo prêmio de melhor filme de curta-metragem, com 42 filmes na competição, representantes de oito Estados brasileiros, de 18 cidades, entre elas Porto Alegre e João Pessoa.

“Começa hoje também uma mostra para deficientes visuais, auditivos e uma mostra infantil. Com relação à disputa, foi formada uma comissão de jurados para seleção, que irá escolher o melhor curta, direção, fotografia, edição, trilha sonora e o melhor filme local. Porém, a comunidade também pode escolher o melhor curta. Esta é a novidade, todos que vierem assistir poderão votar”, explica o supervisor de palco e produção da Fiemg, Diogines Alexandre Marques.

Do festival constam as programações da 1ª Mostra do Pontão de Cultura do Triângulo, o 2º Prêmio Sesi de Curta-Metragem, o 14º Festival do Minuto da Uniube (Universidade de Uberaba), além da Exposição Tião Valadares. A mostra começa hoje e vai até sábado, das 19h às 21h, no Teatro do Sesiminas. “Esta é a segunda edição do evento, com certeza iremos atingir um público maior”, afirma o supervisor.

A entrega aos vencedores dos troféus Tião Valadares, cineasta que viveu em Uberaba e morreu em junho passado, será no domingo, às 19h, no Teatro do Sesiminas. O ator Kayky Brito será o mestre-de-cerimônias. Além disso, Diogines ressalta que o evento é gratuito, portanto todos podem participar, e a programação está exposta no site da Fundação Cultural e do Sesiminas.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - MANÉ GALINHA

  Por: André Montandon Em uma mistura perfeita de ritmos baseada na herança afro ao redor do mundo, que une pop, axé, funk, samba, rock, disco, soul, R&B e groove, o  Mané Galinha (nome em referência ao famoso personagem do filme Cidade de Deus), criou um estilo próprio e um repertório vasto, com a identidade e diversidade exata, proporcionando ao público um clima envolvente de festa, alegria e celebração. Além das canções, hits e clássicos da cultura Black Music. A versatilidade também é uma marca do grupo. Que desenvolveu diversos formatos para atender a todos os gostos e os mais diversos eventos. Em comemoração aos 4 anos de estrada, estão lançando nesta sexta-feira (19), o seu primeiro EP - intitulado de "Pra Elas". Aproveitando esse momento especial da banda, batemos um papo com eles para saber um pouco mais da trajetória, do EP e das novidades. Confira 😉 - Para iniciar, vamos falar sobre a trajetória do grupo. Sua formação, principais referências músicas, como tud