Pular para o conteúdo principal

Carteiros cruzam os braços em Uberaba e entrega de 35% das cartas estão atrasadas

Greve dos funcionários dos Correios em Uberaba foi deflagrada na última quarta-feira (21) por melhorias salariais. Poucos carteiros estão fazendo o serviço de entrega das correspondências na cidade, cerca de 40% dos trabalhadores aderiram ao movimento, sendo grande parte carteiros, 50 deles estão parados na cidade.
As principais reivindicações são aumento salarial de 7,16%, R$ 400 de reajuste linear a partir de janeiro de 2012 para todos os funcionários, R$ 30 de vale-alimentação, R$ 300 de vale-cesta e 24,76% das perdas salariais de 1994 a 2010.

Os Correios apresentaram duas propostas ao sindicato antes da paralisação. As duas foram rejeitadas e, sem apresentação de qualquer contraproposta por parte do sindicato houve a deflagração da greve.
A última proposta dos Correios, que foi reapresentada na quinta-feira, prevê reajuste de 6,87% (reposição da inflação do período – IPCA) no salário e nos benefícios; abono de R$ 800 e aumento linear de R$ 50 a partir de janeiro de 2012. Tal proposta representa reajuste de 13% para 60% dos trabalhadores dos Correios. Além disso, segundo a nota, a entrega de correspondências não foi suspensa em nenhum momento e continua ocorrendo, já que 81% do efetivo da empresa no país trabalham normalmente.

A população já está preocupada com a entrega das correspondências. Em Uberaba, os Correios estão remanejando os funcionários que não aderiram ao movimento. “Não existe carga parada nos Correios sendo que 65% das correspondências estão sendo entregues em dia – 35% seguem com atraso. Estão suspensos apenas três serviços: SEDEX 10, SEDEX Hoje e Disque Coleta, por se tratarem de serviços com hora marcada. Com a paralisação, mesmo parcial, não temos como garantir o horário”, afirma a empresa através de nota.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SEXTA DO TEATRO APRESENTA FESTIVAL DE ESQUETES ONLINE

  O coletivo  Sexta do Teatro promove  Festival de Esquetes Online , com a participação dos sete grupos integrantes do coletivo: Circolando Iniciativas Artísticas, Grupo Todo Um de Teatro, Cor de Yabá, Trupe Doom, Clownqueruma Cia, Grupo Tramoya de Teatro e AnaArty.  Cada grupo apresentará uma esquete teatral com a temática “distanciamento social” com duração entre 7 a 15 minutos. Os episódios serão lançados diariamente pelo Instagram. Todos os vídeos contarão com uma versão com intérprete de Libras e audiodescrição. Será promovida também uma live, com o grupo responsável pela esquete do dia, para um bate-papo com o público.  O projeto é idealizado e produzido por Luana Rodrigues e conta com uma equipe de multiprofissionais da cidade, além dos 7 grupos participantes.  Esse projeto foi aprovado na Lei Aldir Blanc, edital 003 da cidade de Uberaba.  Mais informações acesse  www.instagram.com/sextadoteatro.uberaba/ PROGRAMAÇÃO DO FESTIVAL: 16/04/2021 - "As Luzes do Palhaço” – Circola

LAB 96 APRESENTA PROJETO CASA DE SHOWS

Entre os dias 16 e 24 de abril, o Laboratório 96 , apresenta em seu canal no Youtube , o projeto Casa de Shows,   viabilizado através da Lei de Emergência Cultural, Aldir Blanc. Foram selecionados cinco atrações dos mais diversos gêneros musicais, em sua maioria mulheres. A equipe conta com o coletivo audiovisual Moviola, também formado por mulheres com o objetivo de fortalecer cada vez mais o espaço das mulheres que atuam no mercado da música. A estreia do projeto fica por conta de Salma e Mac, casal fundador do Carne Doce, uma das principais bandas da cena independente brasileira, que apresentará nesta sexta-feira às 20 horas, um show em formato acústico e intimista, com as canções mais sensíveis da banda, além de composições inédita diretamente da sala da casa deles em Goiânia. O Laboratório 96 é um espaço cultural dedicado à música independente brasileira, e em seus cinco anos de história promoveu mais de 200 shows de artistas locais e do mundo. Mais informações com Letícia Rezende