Pular para o conteúdo principal

Diretoria do Nacional Futebol Clube quita dívida e Justiça cancela leilão do JK

Um dos mais aguardados leilões realizados ontem, pela Justiça do Trabalho, não ocorreu. Trata-se da penhora do Estádio Juscelino Kubitschek, pertencente ao Nacional Futebol Clube. Conforme adiantado, no programa da Rádio JM,  JM Esporte - 2º Tempo de terça-feira, dia 26, pelo diretor do Naça, Antônio Carlos, a diretoria do clube ao tomar conhecimento do leilão, através do Jornal da Manhã, se movimentou e quitou a dívida existente.

A ação trabalhista foi movida pelo ex-funcionário do Bingo Uberaba Palace, Rogério Fernandes Melo, que cobrava uma dívida de quase R$ 19 mil. Porém, com 19 dias de antecedência, no dia 8 de abril, o advogado do clube fez um acordo com o ex-funcionário, quitando o débito trabalhista. A reportagem não teve acesso ao processo, devido ao fato de o mesmo se encontrar na contadoria da Justiça do Trabalho, e por isso não foi possível saber o valor acertado entre ambos.

Muitos interessados em adquirir o imóvel compareceram no saguão do Fórum trabalhista, sendo frustrados com a notícia do cancelamento da praça pública. Fontes da reportagem garantiram que uma grande construtora de Belo Horizonte, estava de olho no lote que perfaz uma área de mais de 27 mil m².

O local foi avaliado Judicialmente em R$ 5.194.800, sendo que poderia ter sido arrematado por pouco mais de R$ 3 milhões. Segundo o processo, Rogério foi funcionário do bingo, no qual o Nacional tinha participação, e quando a Justiça decretou a ilegalidade do negócio, fechando as portas em abril de 2007, Rogério foi demitido sem justa causa. Inconformado procurou seus direitos junto a Justiça. Sendo ser necessária a penhora de um imóvel milionário para fazer valer seus direitos.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - BQUATRO

Por: André Montandon

Uma das mais tradicionais bandas uberabense em atividade, a Bquatro, vem imprimindo sua marca no cenário sudeste desde o ano 2000.

Com o seu Pop Rock de qualidade e estilo próprio, é sucesso garantido por onde passa. Já dividiram palco com o Capital Inicial, Tihuana, Wilson Sideral, Tico Santa Cruz, Raimundos, Nando Reis, CPM 22 e o Rappa. Foram destaque no Concurso de Bandas “Triângulo Music 2010”, conseguindo se figurar entre as três melhores bandas independentes de toda Minas Gerais. Em 2013, lançaram o seu 1° disco, uma produção autoral e independente que teve uma ótima recepção do público. No concurso de bandas "João Rock 2014", foi a banda mais votada pelo público entre as 1.140 concorrentes. No mesmo ano, participaram do Amplitude Rock Fest e da Semana do Rock de Osasco - São Paulo.

Formada atualmente por Marco Fábio (Vocal), Marcelo Vieira (Guitarra), Rogério (Teclados), Chaene da Gama (Baixo) e Cainã (Bateria), o grupo está passando por uma mud…

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL