Pular para o conteúdo principal

CONQUISTAS UBERABENSES NO PARADESPORTO, HANDEBOL, NATAÇÃO E A GINÁSTICA ARTÍSTICA E SKATE AGITARAM A CIDADE

 



Grande campanha da delegação uberabense formada pela FUNEL, ADEFU, APAE e ICBC nos Jogos do Interior de Minas - Paradesporto (JIMI Paradesporto), realizado no último fim de semana em Juiz de Fora. Ao todo foram 40 medalhas, o troféu do desfile das delegações e o título de melhor atleta por Índice Técnico da Competição (ITC) na natação, de Sara Souza, ao obter 0,61 (corresponde a 61% do recorde mundial) na prova de 50m livre da classe S12.

Na natação, foram 19 medalhas conquistadas, sendo 14 ouro, 3 prata e 2 bronze, incluindo a prata por equipe. Guilherme dos Reis ouro nos 100m costas e 100m livre, e prata nos 50m livre na classe S14João Carlos Paranhos, ouro nos 100m costas, 400m livre e 100m livre na classe S9João Manoel Nevesouro nos 50m costas e bronze nos 50m livre S21;  José Carlos Lisboa, bronze nos 50m livre S9; Pablo Henrique de Melo, ouro nos 50m livre e 100m costas na classe S11, e nos 100m costas na classe SB11; Ricardo do Nascimento, prata nos 50m livre S9; Sara Souza,  ouro nos 50m, 400m e 1.000m livre na classe S12; e Suzete Pereira, ouro nos 50m livre e 50m borboleta na classe S7.

No atletismo, foram 21 medalhas, sendo 15 ouro, 5 prata e um bronze por equipe. André Freitas, prata no arremesso de peso  e lançamento de disco na classe F52; Adriano Eliasouro no arremesso de peso e lançamento de dardo na classe F55; Érika Beatriz, prata no arremesso de peso classe F37; João Luis de Limaouro no arremesso de peso e e lançamento de disco na classe F53; João Pedro de Almeida, ouro nos 200m e prata nos 100m T12; José Rocha Neto, ouro no lançamento de disco e prata no arremesso de peso na classe F33; Juan César de Oliveiraouro no arremesso de peso e e lançamento de disco na classe F52; Larissa Galan, ouro no arremesso de peso e lançamento de dardo na classe F42; Lucas Silva, ouro no arremesso de peso e lançamento de disco na classe F34; Michele Silva, ouro no arremesso de peso e lançamento de disco na classe F37; Walter Morais, ouro no arremesso de peso e lançamento de dardo na classe F33.


Pelo Campeonato Mineiro de Handebol, a equipe Funel Uberaba conquistou no último domingo (6), em Martinho Campos, a medalha de prata na categoria Juvenil Masculino. A equipe teve, ainda, o atleta Rafael Lima eleito como o melhor armador da competição.

Na fase classificatória, o time derrotou o Ipatinga Hand 7 (61 a 17) e o Colégio Militar de Belo Horizonte (45 a 25), sendo superado por Pompéu (51 a 26). Após derrotar a equipe de Teófilo Otoni na semifinal (31 a 30), nossa equipe perdeu novamente para Pompéu (41 a 21), ficando com a prata.

Em Pará de Minas, o Juvenil Feminino, venceu Ipatinga (28 a 13) e foi superado por Pará de Minas (23 a 22) e Abesc BH (29 a 13), perdendo a vaga na semifinal por um gol, encerrou sua participação na 6ª colocação.


Também em Martinho Campos, atletas da equipe Handebol Uberaba/Academia Uberabense de Esporte - Yasmin Bianchi (ponta-esquerda), Ana Flávia (armadora), Maria Fernanda (pivô), Carol Zago (armadora) e Iasmin Marquez (pivô), integram a equipe Junior da Prefeitura de São Gotardo, colaborando na conquistaram o título no Mineiro da categoria. Com Yasmin e Maria Fernanda eleitas as melhores do campeonato em suas posições.

Yasmin,  Ana Flávia, Maria Fernanda, Carol e Iasmin. @handeboluberaba

Pelo 68º Campeonato Brasileiro Master de Verão de Nataçãorealizado de 2 a 5 de novembro em Salvador-BA, Jorge Francisco da Silva (Lira Tênis Clube/Florianópolis), conquistou nada menos que oito medalhas na categoria 70+. Ouro nos 200m medley; prata no revezamento 4 x 50m livre, nos 400m livre, nos 100m peito, nos 200m livre e no revezamento 4 x 50m medley; bronze nos 50m borboleta e nos 100m livre.

O torneio contou com mais de 400 atletas inscritos, representando mais de 50 equipes de 21 estados, além de atletas do Paraguai e da Argentina.

____________________________

No sábado (05), o Uirapuru Iate Clube foi palco do Festival de Ginástica Acrobática Uirapuru, que contou com  a participação de 5 equipe e mais de 100 ginastas para a disputa das modalidades Acrobática, Artística e de Trampolim nas categorias Iniciante, Intermediário e Avançado. 

@gymacrouberaba

No mesmo dia, o Uai Extreme, realizou o seu 1º Campeonato de Skate, reunindo diversos adeptos do esporte para as disputas no Feminino, nas categorias Mirim e Iniciante, e no Masculino, no Mirim, Iniciante, Amador e Old School. Além da categoria Best Trick.  Já no dia 12, será a vez do Patins entrar em ação. Na nossa agenda cultural, que vai ao ar nesta sexta-feira (11), divulgaremos a programação completa do torneio, fique ligado!

Siga o zebunarede também pelas redes sociais:

Facebook: zebunarede.com

Instagram: @zebunarede

Youtube: zebunarede

Twitter: @zebunarede

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - YSAAC & K.OLIVER

  Por: André Montandon Parceiros de longa data, Ysaac e K.Oliver seguem como eles mesmos dizem: "contrariando as estatísticas". Com muita luta, força, foco e fé, a dupla desenvolve o seu trabalho. E podemos dizer que já são referências em Uberaba e região. Além da carreira solo, eles participam de outros projetos ao lado de feras da cena local, com a Família BMX. Sempre em constante movimento, eles lançaram no mês de maio, o álbum que carrega em seu título o lema da dupla  "Contrariando as Estatísticas", produzido e gravado em São Paulo, conta com vídeo clipe em todas as faixas. Aproveitando o lançamento, batemos um papo com eles. Confira a seguir: - Para começar a nossa entrevista, gostaríamos de saber um pouco mais sobre o processo de produção/gravação do novo álbum? Ysaac/K.Oliver -  Salve família. Máximo Respeito. O processo de produção e gravação do nosso álbum ele veio com muita luta e muita história porque algumas músicas deste álbum duas ou três músicas eu

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - MENINO MESTIÇO

Por: André Montandon e Verônica Furtado Natural de Uberaba, Guilherme de Oliveira Junior, mais conhecido como Menino Mestiço é tido como uma dos grandes letristas da região. Escrevendo desde 2007, suas letras fomentam reflexão, constroem diálogos e empodera aqueles que são invisibilizados pela sociedade. Atuante na cultura Hip-Hop desde 2011 através das batalhas de MCs, em 2015 conseguiu de forma independente distribuir sua primeira mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita em Si Mesmo" , contendo as canções "Cantiga de Roda", "Queijo Minas" e "Negro Não Nego" música que ficou em terceiro lugar no Festival de Música autoral de Uberaba. No ano seguinte, se consolida como promessa na região com sua segunda mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita e Vai à Luta" , com destaques para os sons "Sem Sinal de Vida", "Anos 2000" e "Gatilho da Revolução. O artista também é responsável por inúmeras atividades como apres