Pular para o conteúdo principal

DOMINANDO A AMERICA! RIO VENCE PRAIA E CONQUISTA O TETRACAMPEONATO


Pela terceira vez seguida, em pouco mais de um ano, o Rexona/Sesc/Rio de Janeiro e o Dentil/Praia Clube se encontram em uma decisão de título. No ano passado, as equipes decidiram a Copa Brasil e a Superliga Feminina de Vôlei. As duas finais vencidas pela equipe carioca. Além disso, pesa contra as mineiras o tabu de nunca ter vencido o Rio de Janeiro.

E o tabu permaneceu. O  primeiro set foi muito equilibrado com era esperado, com ótimos lances e também varias falhas de ambas os lados. Mas, na reta final do set, a equipe de Bernardino tomou a frente e no saque de Juciely, Ramirez do Praia recepciona mal e Anne aprovetou para fechar o set em 25 a 19. No 2ª set,  o equilíbrio se manteve, e o técnico do Praia, Ricardo Picinini, foi decisivo para a vitória da sua equipe. Após pedir dois tempos técnicos, as meninas do Praia encaixaram o jogo, para empatar a partida em 1 set a 1 com Claudinha explorado bloqueio (parcial 25 a 20).  

Praia Clube, Rio de Janeiro, Sul-Americano (Foto: Lucas Papel)
Foto: Lucas Pape
No quarto set, o Rio até abriu uma pequena vantagem, mas com três ataques de Alix, o time mineiro empatou em 8 a 8. Fabiana, em bloqueio simples, deixou o Praia à frente pela primeira vez. As equipes seguiram trocando pontos e a liderança do marcador. Em toque na rede de Fabiana, o Rio voltou a ter dois pontos de vantagem: 20 a 18. O time do Praia sentiu a diferença no placar, errou mais e viu as cariocas fecharem a parcial no bloqueio de Michelle: 25 a 19. Faltou agressividade do Praia nesse set.

No quarto set, o Rio voltou disposto a acabam com o jogo. Errando menos e mais consistente no ataque, abriu seis pontos (9 a 3). A defesa e a recepção do Praia pararam de funcionar e o time errou mais; deixando o Rio ditar o ritmo da parcial. Roberta colocou todas as atacantes para jogar e a vantagem aumentou com Juciely e ace de Gabi: 21 a 8. Mesmo buscando outras opções táticas, o Praia continuou apático, totalmente irreconhecível.  E viu o Rio fechar o set com Mayhara, em 25 a 10, e o jogo em 3 sets a 0.

Foto: Reprodução internet
Com a vitória, o time de Bernardinho, conquista o quarto título Sul-Americano, o terceiro consecutivo, e de quebre garantiu uma das vagas no Mundial de Clubes que será realizado no Japão. Essa foi 22ª vitória seguida do Rio de Janeiro sobre o Praia em jogos oficiais.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - BOOGARINS

Por: André Montandon e Verônica Furtado
Benke, Dinho, Raphael e Ynaiã, estão de volta à Uberaba, para uma super apresentação de lançamento do 4º álbum de estúdio da Banda, intitulado "Sombrou dúvida". Nesse sábado, a partir das 21h, no espaço mais decolado da cidade, o Laboratório 96. O disco lançado oficialmente nessa sexta-feira, terá distribuição mundial pelo selo Overseas Artists, e traz 10 faixas inéditas - disponíveis nas principais plataformas digitais. Antes do lançamento oficial, o grupo disponibilizou  3 faixas do álbum, "Sombra ou Dúvida", "Invenção" e "Tardança", criando uma grande expectativa nos fãs por esse novo trabalho.  Podemos dizer sem duvida, que será o melhor álbum da carreira da Banda até o momento. E é claro, que não poderíamos perder a oportunidade de bater um papo novamente com a banda.  Confira a nossa entrevista:
- Os singles do novo Álbum "Sombrou dúvida", lançado recentemente, da o tom do que está por vir. …

A UM PASSO DA GRANDE FINAL

Em uma partida emocionante, o uberabense João Menezes conquistou a classificação para a semifinal dos Jogos Pan-americanos de Lima na categoria individual. Mas não foi uma tarefa nada fácil. O seu adversário, o chileno Nicolás Jarry, "vendeu" caro essa vitória. João teve que suar a camisa, mostrar todo seu talento para vencer a partida em 1h43min, por 2 sets a 0 (7/5 e 6/4). Mostrando porque é o atual nº 2 entre os brasileiros no ranking da ATP.
Sem descanso.Agora, o tenista terá pela frente mais um argentino, Facundo Bagnis. O duelo está marcado para esse sábado, a partir das 14h.

Destaque também, para a classificação de Carolina Meligeni (sobrinha de Fernando Meligeni) que venceu a mexicana Renata Zarazua por 6/2 e 6/0. E encara amanhã, a norte-americana Caroline Dolehide.