Pular para o conteúdo principal

Nacional arranca empate no Parque

O jogo – No primeiro tempo, a equipe alvinegra foi bombardeada. O UEC era ataque atrás de ataque. O Verdão perdeu muitas chances.

O goleiro Fernando Pompéu já tinha salvado um gol que parecia certo, em cabeçada pra baixo. Mas não conseguiu evitar o tento de Assis, aos 23 minutos. O lateral, um dos alviverdes que no ano passado estava no Naça na campanha do título da Terceirona, cobrou falta frontal com precisão, mandando no canto alto.

Na única chance do Elefante na primeira etapa, Obina ajeitou para Lineker bater, mas Glaysson defendeu. No troco, Daniel Morais recebeu na frente e marcou, tocando na saída de Pompéu, mas a arbitragem anulou, dando impedimento. Apesar do sufoco, o time visitante foi pro intervalo perdendo só de 1 x 0.

A etapa complementar começa com os anfitriões de novo dando calor. Logo de cara, Gabriel Davis joga fora ótima chance.

Do outro lado, Pedro Paulo resolve apostar na jogada individual. Ele invade a área e é derrubado: pênalti. Obina desloca Glaysson e empata, marcando o segundo gol do Naça na competição, o segundo de bola parada: 1 x 1, aos 17 minutos.

A torcida da casa grita “barrigudo” e “gordo” para o camisa 9. Depois, os torcedores ficam irritados com o próprio Verdão. E, a cada ataque desperdiçado, o nervosismo aumenta. O Periquito continua pressionando muito, mas não faz. Alan Taxista, de fora da área, acerta o travessão. Evando finaliza dentro da área, mas Fernando segura firme. Já Glaysson só é citado quando tira de tapa o chute de Lineker, de fora da área.

O Alvinegro da Rodovia não hesita em fazer cera, satisfeito com o empate. Na última estocada do Uberlândia, Daniel Morais cabeceia e a bola sai raspando. A torcida local, que parecia contar com vitória certa contra o lanterna, sai vaiando o UEC.

O Nacional jogou com: Fernando Pompéu; Peterson, Wallace, Levi, Dieguinho; Arthur, Brayan (Rafinha), Luiz Antônio (Delsinho), Lineker; Pedro Paulo e Obina (Gean).



Veja o Video da Partida :
http://www.youtube.com/watch?v=dBHoANzo7os
 Veja a Tabela Atualizada do Campeonato Modulo Mineiro II:
 Fonte: www.jornalreplay.net




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - MANÉ GALINHA

  Por: André Montandon Em uma mistura perfeita de ritmos baseada na herança afro ao redor do mundo, que une pop, axé, funk, samba, rock, disco, soul, R&B e groove, o  Mané Galinha (nome em referência ao famoso personagem do filme Cidade de Deus), criou um estilo próprio e um repertório vasto, com a identidade e diversidade exata, proporcionando ao público um clima envolvente de festa, alegria e celebração. Além das canções, hits e clássicos da cultura Black Music. A versatilidade também é uma marca do grupo. Que desenvolveu diversos formatos para atender a todos os gostos e os mais diversos eventos. Em comemoração aos 4 anos de estrada, estão lançando nesta sexta-feira (19), o seu primeiro EP - intitulado de "Pra Elas". Aproveitando esse momento especial da banda, batemos um papo com eles para saber um pouco mais da trajetória, do EP e das novidades. Confira 😉 - Para iniciar, vamos falar sobre a trajetória do grupo. Sua formação, principais referências músicas, como tud

DA SÉRIE: A ARTE EM TEMPOS DE CORONAVÍRUS (PARTE VIII) 🎨😅

  🖼Obra original: "Mona Lisa" de Leonardo da Vinci. #arteemtemposdecoronavírus #arte #monalisa #prevenção #vaipracasa #ficaemcasa #covid19 #xocoronavirus #isolamentosocial #quarentena #juntossomosmaisfortes #zebunarede