Pular para o conteúdo principal

ALUNOS DA UFTM PROMOVEM MANIFESTAÇÕES

NÓS QUEREMOS SER OUVIDOS!!!!!

Foi com esse propósito que os alunos da Universidade Federal do Triângulo Mineiro - UFTM - iniciaram os manifestos por melhores condições de ensino. 

O primeiro ato foi realizado na segunda-feira (03), quando cerca de 200 alunos do curso de Psicologia percorreu os corredores da instituição, reivindicando a contratação de mais professores. Isso ocorreu, devido o reduzido corpo docente, composto por apenas 13 profissionais. Em outras instituições o mesmo curso conta normalmente com 40 professores. Segundo uma das manifestantes esse problemas não é apenas do curso de Psicologia e se essa situação persistir 40% do curso parará, travando disciplinas e estágios. Devido a situação, o movimento conta com a adesão de outros cursos.

Foto: Pop Mundi / Jonh Fernandes

No mesmo dia, por meio de nota, a assessoria da UFTM informou que a vice-reitora, Ana Lúcia de Assis Simões, esteve na manifestação, ouviu os pedidos e reivindicações dos alunos.

Na quarta-feira (05), um grupo acampou no interior do Centro Educacional. Na quinta-feira (06) foi realizado a ação denominada de “cadeiraço”, onde houve muito barulho, com buzinas, latas e panelas. Entretanto, os protesto registraram atitudes de vandalismo praticadas no prédio, como a pichação de paredes e piso, e danificação de lixeiras.

Foto: Reprodução internet
Foto: Reprodução internet
De acordo com a pró-reitora, Rosimár Alves Querino, desde o início do movimento a gestão tem dialogado com o grupo, inclusive já foram realizadas diversas reuniões com os estudantes num processo de escuta e levantamento das reivindicações. Também estava agendado com o movimento uma reunião para esta sexta-feira, às 14h, porém os atos de vandalismo, surpreenderam a pró-reitora e a universidade, que os julgaram desnecessários. Segundo informações essa reunião não estava confirmada, e provavelmente, seria adiada.

Alunos ressaltam que o quadro de professores do curso de Medicina conta com mais 100 professores. Essa realidade provoca um desequilíbrio e revolta dos outros alunos.  

Na manhã de sexta-feira (07) foi cumprida a liminar deferida pela Justiça Federal para retirar os manifestantes do interior do Centro Educacional da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM). Não houve conforto. A liminar é decorrente de ação de reintegração de posse ajuizada pela instituição.





Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BATE-PAPO COM JOÃO CARLOS NOGUEIRA

Por: André Montandon

João Carlos Paranhos Nogueira é um dos grandes nomes do esporte uberabense. Seu currículo é inspirador, abrange prêmios de destaque do ano, participações e títulos em importantes competições do país. Fera na natação, no triatlo e na maratona aquática, João começou a praticar esporte bem cedo, aos seis anos de idade. 
Nas piscinas, são vários pódios, destaque para os títulos no Circuito Brasil e Circuito Paraolímpico. Em 2011, iniciou no Paratriathlon, também conseguindo bons resultados, como a Copa Brasil de 2018. Em 2014, começou na maratona aquática, com diversos títulos na categoria PCD  e sempre estando entre os melhores também contra nadadores sem deficiência, na categoria master. Medalhas em eventos importantes como no Desafio Aquaman, no Circuito de Maratona Aquática do Estado de São Paulo, na Travessia dos Fortes e o Circuito Rei e Rainha do Mar. No ano passado, mais um feito marcante em sua carreira, foi campeão na 52ª edição da Maratona Aquática 14 Bis, …

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - RENATO CALANGO

Por: André Montandon O músico, compositor, poeta, interprete e produtor Renato Calango tem a música em seu DNA.Juntamente com outros talentosos artistas criaram o Movimento Calango. A intenção do Movimento e dos que o vivenciam, é criarem composições musicais em vários estilos diferentes, agregando a maior diversidade de sonoridade possível, buscando uma alta carga de liberdade criativa sem se desligarem das suas ecléticas preferências e influências musicais, culturais, artísticas e ideológicas.Tem a característica de ser uma proposta artístico-musical aberta, na tentativa de realizar as mais diversas parcerias com os mais diferentes tipos de artistas e pensadores, tanto para compor, quanto para produzir e se apresentar ao vivo.Não seguem nenhum estilo musical, mas caminham por vários deles, desde que seja uma proposta artística viável, de bom gosto, harmoniosa ou até mesmo quando estiver fora da “beleza” convencionalmente imposta. Tentam, na medida do possível, se despir de pré-concei…