Pular para o conteúdo principal

NOVAS TENDÊNCIAS - BANDAS - PARTE II

No segundo dia do Novas Tendências, se apresentaram:

Canastra: Na estrada desde 2000, o sexteto carioca liderado pelo guitarrista e vocalista Renato Martins (Acabou La Tequila), chega com a combinação irresistível de Jazz, Dixieland, Western, Surf Music e Rockabilly, com músicas que falam sobre amor e situações cotidianas. Lançaram seu primeiro disco em 2004, intitulado “Traz A Pessoa Amada Em Três Dias”, ganhando reconhecimento e notoriedade no cenário musical brasileiro, enfim consolidando a qualidade sonora com o disco “Chega De Falsa Promessas”, de 2007. Em julho de 2013, lançaram seu terceiro álbum, “Confie Em Mim”, com produção Charles Gavin (ex-Titãs), já estreando com participação em “A Grande Família”, da Rede Globo. A banda propõe um show enérgico, com batidas swingadas, unindo uma proposta “clássica” a uma sonoridade moderna. 




Alohatomic:  A banda paulistana formada por músicos que se conheceram em Brasília, a Alohatomic mistura hardcore e punk rock com os embalos da surf music e uma dose boa de ficção científica e filmes de terror. O resultado é um frankstein pogador de camisa florida, que pode ser melhor conferido no recém-lançado EP "The Greatest Hits of Alohatomic, Vol. 2: Aloha Rises". A banda, que traz o apresentador do Multishow Guilherme Guedes na bateria, não se importa muito com o fato das canções serem, em sua maioria, em inglês.



Uganga:  Fundada em 1993, a banda faz parte da rica história do Rock pesado de Minas Gerais. Diretamente influenciado por Thrash Metal e Hardcore, o UGANGA somou à essa fusão algumas passagens mais atmosféricas inspiradas no Dub e uma dose extra de groove. Nas letras, reflexões acerca do respeito à mãe natureza, livre arbítrio, dilemas cotidianos e autoconhecimento. Realizaram constantes giros pelo Brasil tocando ao lado de artistas de estilos variados e participaram de vários importantes festivais de música independente como o Udi Rock, Jambolada, Novas Tendências, Calango, Vaca Amarela e Tattoo Rock Fest. 

Em sua trajetória até aqui, já participaram de várias coletâneas e lançaram três demos e três CD’s oficiais: Atitude Lótus de 2003, Na Trilha do Homem de Bem de 2006  e o mais recente trabalho o  “Caos Carma Conceito”, também foi lançado na Europa que abriu as portas para que o UGANGA fizesse sua primeira turnê internacional em 2010.



Galanga:  O grupo segue a tradição do rock progressivo, mas acrescenta a malícia e a irreverência do samba, além dos elementos festivos e brincalhões do Zé Pereira e o batuque do Maracatu. O grupo de Ouro Preto, é a prova de que no universo do rock cabe toda a criatividade humana. A banda tinha, originalmente, o objetivo de dialogar com as raízes da cultura negra, mas abandonou os temas regionais ligados à negritude e criou um novo estilo de música, o Rock Afrogressivo, uma mistura de elementos do rock progressivo com estruturas rítmicas e melódicas da cultura brasileira.

 


Corine: Formada em Araguari, a banda e composta por Eddie Shumway (Guitarra), Lucas Torres (Voz/Guitarra) e Luiz Gustavo Amorim (Baixo) e Murcego Gonzalez (bateria) gravou seu primeiro single graças à participação especial de Manu “Joker” Henriques (Uganga) que não recusou o convite para gravar a bateria do single “I CAN NO LONGER BE HERE”.

Em 2013 a banda lançou o videoclip de “I CAN NO LONGER BE HERE”. Com essa formação, a banda fez o seu primeiro show, gravou e lançou mais duas músicas, “HAVE ALL I NEED” e “WHILE I’M ALIVE”. Desde então, a banda já fez shows ao lado de Black Drawing Chalks, Uganga, Los Viejos (México), Hellbenders, Muñoz, Canábicos e Overfuzz. 



  NÃO PERCA, O MAIOR FESTIVAL DE MÚSICA INDEPENDENTE DE UBERABA






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BLACK PANTERA ANUNCIA EP EM COMEMORAÇÃO AO DIA DA CONSCIÊNCIA NEGRA

Sempre envolvidos com o movimento negro, os integrantes da   Black Pantera aproveitaram uma pausa nas gravações do novo álbum para lançar o EP “Capítulo Negro” , em comemoração ao Dia da Consciência Negra . Eles escolheram três músicas com discurso forte sobre empoderamento e fizeram novas versões; “Identidade” (Jorge Aragão), “Todo Camburão Tem Um Pouco de Navio Negreiro” (Alexandre Meneses/ Marcelo Lobato/ Marcelo Yuka/ Nelson Meirelles), sucesso do álbum de estreia d'O Rappa e “A Carne” (Marcelo Yuka/ Seu Jorge/ Ulisses Cappelletti), conhecida na voz de Elza Soares. Banda faz releituras para clássicos de Elza Soares, O Rappa e Jorge Aragão. Foto: Divulgação Como as músicas estão ligadas pelo mesmo tema, racismo e luta contra o preconceito, o power trio  uberabense também produziu um curta de 12 minutos dirigido por Leonardo Ramalho da Pajé Filmes, que já fez anteriormente os clipes de “Punk Rock Nigga Roll” e “I Can’t Breathe”, lançado como um protesto inflamado pelo assassinat

ELEIÇÕES 2020: COMO ESCOLHER O MEU CANDIDATO?

As eleições estão chegando!!! É hora de escolher os nossos representantes municipais. Neste momento importante nas nossas vidas é fundamental pesquisar e conhecer melhor quem está concorrendo aos cargos de prefeito, vice-prefeito e vereador em nossa cidade.  Para escolher seu representante, é de suma importância identificar os valores relevantes para você e o que você deseja que o político defenda. Vale lembrar que o bem comum é tão importante quanto os seus próprios interesses.  Apresentamos a seguir, algumas ferramentas gratuitas disponíveis na rede para te ajudar a escolher os seus candidatos: ➤ Justiça Eleitoral – www.justicaeleitoral.jus.br   ( Apresenta dados detalhados sobre todos os candidatos que pediram registro à Justiça Eleitoral, suas propostas de governo,  patrimônio declarado,  site do candidato, entre outras  informações) ; ➤ Tem meu voto -  www.temmeuvoto.org    (C onsiderada uma espécie de “Tinder das eleições”, a plataforma a juda o eleitor a escolher candidatos most