Pular para o conteúdo principal

Jordan afirma que Nacional já tem a cara do seu torcedor

O Nacional retornou ontem aos trabalhos visando ao jogo de sabádo, contra o Valério, às 17h, no estádio Uberabão. Caso conquiste a vitória, o Naça pode entrar em campo na última rodada do hexagonal da Terceirona, contra o Funorte, precisando apenas de um empate para garantir o acesso.

Ainda refletindo sobre o jogo contra o Montes Claros, o técnico Jordan de Freitas gostou do que viu na terça-feira. “A gente fez uma grande partida e estou muito satisfeito porque o Nacional mostrou 100% de comprometimento de todos os jogadores. Nosso time soube jogar futebol, marcar o adversário e suportar a pressão, que foi muito grande. Sinceramente, desde a minha chegada este foi o jogo que eu vi o time dentro de campo com a cara da nossa torcida, com garra, vontade, paixão. Isso me deixou muito satisfeito”, afirmou o treinador.  
 
Segundo Jordan, o zagueiro Cacildo e o volante Brayan aproveitaram muito bem a oportunidade que tiveram na última partida porque não se acomodaram na reserva e todos do grupo precisam fazer o mesmo, pois com muitos jogadores pendurados a oportunidade pode surgir a qualquer momento.
 
Para o técnico, a equipe tem que manter o foco para conquistar o acesso. “Nós temos a característica de respeitar os adversários. Agora precisamos olhar para frente e hoje o Nacional está no grupo que se classifica para o Módulo II. Estamos dentro do nosso objetivo, mas manter essa posição é muito difícil ainda mais que outros times entraram na parada e isso aumenta a pressão. Vamos continuar trabalhando porque só com o trabalho vamos chegar ao resultado que queremos”, ressaltou Jordan. 
 
E para ficar ainda mais próximo do acesso, o Naça precisa da vitória sobre o Valério. “Temos que ter a ambição, vamos dar um passo de cada vez para buscar essa vitória. Não tem outro resultado que nos interessa, então temos que arriscar ir para cima do adversário impondo o nosso jogo e principalmente, contando com o apoio da nossa torcida”, completou Jordan de Freitas.
 
 
 
VAMO LÁ GALERA, VAMOS VER O NAÇA VOLTAR A ELITE DO MINEIRO, A CHANCE É AGORA, SABÁDO FORÇA PARA NAÇA É RAÇA...................
 
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CONHEÇA BEN HEINE

Ben Heine. Foto: Reprodução internet Ben Heine  é um talentoso artista belga, que cria surpreendentes desenhos tridimensionais. Depois de finalizar o trabalho, Ben Heine tira fotos de si mesmo interagindo com sua obra e o resultado é surpreendente. Ele descreve a si mesmo como um artista visual multidisciplinar que é inspirado pelas pessoas e pela natureza.  Heine cresceu em Abidjan, Costa do Marfim, onde viveu por sete anos com seus pais e três irmãs antes de volta para Bruxelas em 1990. Ele é conhecido internacionalmente por seus trabalhos muito criativos projetos  “Pencil Vs Camera“  e "Circlism Digital" .   O primeiro, envolve a mistura de desenho e fotografia, a imaginação e a realidade, através da ilusão e do surrealismo. No segundo projeto, Heine geralmente faz retratos de celebridades / ícones culturais com ferramentas digitais usando círculos planos sobre um fundo preto. Cada círculo tem uma única cor e um único tom. Através do uso de softwares gráficos

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - YSAAC & K.OLIVER

  Por: André Montandon Parceiros de longa data, Ysaac e K.Oliver seguem como eles mesmos dizem: "contrariando as estatísticas". Com muita luta, força, foco e fé, a dupla desenvolve o seu trabalho. E podemos dizer que já são referências em Uberaba e região. Além da carreira solo, eles participam de outros projetos ao lado de feras da cena local, com a Família BMX. Sempre em constante movimento, eles lançaram no mês de maio, o álbum que carrega em seu título o lema da dupla  "Contrariando as Estatísticas", produzido e gravado em São Paulo, conta com vídeo clipe em todas as faixas. Aproveitando o lançamento, batemos um papo com eles. Confira a seguir: - Para começar a nossa entrevista, gostaríamos de saber um pouco mais sobre o processo de produção/gravação do novo álbum? Ysaac/K.Oliver -  Salve família. Máximo Respeito. O processo de produção e gravação do nosso álbum ele veio com muita luta e muita história porque algumas músicas deste álbum duas ou três músicas eu