Pular para o conteúdo principal

Diminuição no valor não esvazia o movimento, afirmam organizadores

Anúncio de diminuição da tarifa de ônibus não agradou manifestantes. Intitulado de Movimento Independente de Uberaba, o grupo mantém o protesto hoje e reivindica passagem de, no mínimo, R$2,60. A pauta também inclui a gratuidade para idosos a partir de 60 anos, o passe livre para todos os estudantes, o bilhete reduzido aos fins de semana e a melhoria da qualidade no transporte público.
Um dos organizadores do ato, o universitário Wilker Morais informa que a revisão da tarifa de R$2,90 para R$2,80 não atende à comunidade. “Só 10 centavos não é o que a gente está querendo. Não agradou ninguém”, declara.
 
A liderança do movimento informa que a mobilização não termina hoje e adianta que outros protestos serão realizados, caso as solicitações não sejam atendidas pela Prefeitura. Além das questões relacionadas ao transporte coletivo, o ato abrangerá o combate à H1N1 e a disponibilização de vacinas para toda a população de Uberaba. 
 
Os manifestantes estarão concentrados a partir de 17h na praça dos Correios, de onde seguem pela avenida Leopoldino de Oliveira até o calçadão da rua Artur Machado, no sentido da praça Rui Barbosa. O trajeto continua pela Vigário Silva, Major Eustáquio, avenida Santos Dumont e rua Medalha Milagrosa. O ato será encerrado na porta do Centro Administrativo da Prefeitura. A expectativa dos organizadores é reunir algo em torno de 5.000 pessoas no protesto de cunho pacífico.
 
O prefeito Paulo Piau (PMDB) não receberá os integrantes do movimento hoje. A agenda foi marcada para segunda-feira (24). O chefe do Executivo espera que a manifestação nas ruas seja sem violência.
 
 
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

CONHEÇA BEN HEINE

Ben Heine. Foto: Reprodução internet Ben Heine  é um talentoso artista belga, que cria surpreendentes desenhos tridimensionais. Depois de finalizar o trabalho, Ben Heine tira fotos de si mesmo interagindo com sua obra e o resultado é surpreendente. Ele descreve a si mesmo como um artista visual multidisciplinar que é inspirado pelas pessoas e pela natureza.  Heine cresceu em Abidjan, Costa do Marfim, onde viveu por sete anos com seus pais e três irmãs antes de volta para Bruxelas em 1990. Ele é conhecido internacionalmente por seus trabalhos muito criativos projetos  “Pencil Vs Camera“  e "Circlism Digital" .   O primeiro, envolve a mistura de desenho e fotografia, a imaginação e a realidade, através da ilusão e do surrealismo. No segundo projeto, Heine geralmente faz retratos de celebridades / ícones culturais com ferramentas digitais usando círculos planos sobre um fundo preto. Cada círculo tem uma única cor e um único tom. Através do uso de softwares gráficos

CONHEÇA ALEX SENNA

Alex Senna é ilustrador e grafiteiro brasileiro que busca transportar suas emoções para arte de uma forma rebuscada e tocante. Sua paixão de infância pelos quadrinhos influencia suas obras a ponto de torná-las originais por meio de riscos simples e preto e branco. Seus trabalhos estão espalhados por diversas cidades pelo mundo como São Paulo, Londres, Paris e Barcelona . Formado em Comunicação Social, ele teve o primeiro contato com o graffiti em 2002. Desde 2006 ele produz o sua arte de diversas formas: telas, murais, objetos, gravuras. Suas principais influências são nomes consagrados como Maurício de Sousa, Ziraldo, Speto, Vitché, Will Eisner e Walt Disney . O elemento que mais aparece nas obras é o passarinho.  Confira um pouco do seu trabalho: Conheça mais sobre o trabalho desse grande artistas:  https://www.facebook.com/senna.alex/timeline