Pular para o conteúdo principal

Feira do Livro tem mais de 3 mil exemplares em exposição no calçadão

Com mais de três mil livros, está sendo realizada no calçadão da rua Artur Machado a segunda edição da Feira do Livro. Estão expostos vários tipos de livros, com preços acessíveis e possibilidade de troca. A feira, que começou ontem, será realizada até sábado (11), das 8h às 20h.

As primeiras edições da feira foram realizadas em 2010, houve uma interrupção, mas as atividades foram retomadas este ano, sendo promovidas nos primeiros dias do mês. Um evento que agora conta com o apoio da Fundação Cultural, além de outras 15 entidades sindicais. O objetivo é popularizar o livro, movimentando o mercado e oferecendo descontos atrativos. Os livros podem ser adquiridos por R$1 a R$30 e ainda existe a possibilidade de troca de gêneros.

De acordo com um dos organizadores, J. Claudio, nesta edição da feira, assim que foram instaladas as tendas e os livros foram expostos, começaram a aparecer as primeiras pessoas interessadas em comprar um exemplar. “Isso mostra que existem pessoas que gostam de ler, é necessário apenas incentivá-las. Nas ultimas edições muitas pessoas compraram livros e o movimento é grande durante os dias em que estamos instalados no calçadão. A nossa intenção é fazer com que o hábito de ler retome na cidade. Dizem que o povo não gostar de ler, isso não é verdade, pois a quantidade de pessoas que participa da feira mostra o contrário”, explica o organizador, ressaltando que no início era apenas uma tenda e agora já são duas.

Ainda segundo Cláudio, estão expostos cerca de três mil livros, muito bem conservados, de todos os gêneros literários, que agradam desde crianças até os mais assíduos e exigentes leitores. Os livros estão distribuídos em 60 bancadas, para facilitar o acesso à leitura e o manuseio das obras. Todo esse acervo foi adquirido por doações, trocas e alguns comprados (interessados em doar, basta ligar no numero 8879-9413). “O dinheiro que arrecadamos com a feira serve para comprar novos exemplares e manter a estrutura”, afirma Cláudio, lembrando que a Fundação Cultural ajuda com a autorização do espaço e ainda com as tendas.

No sábado, último dia do feirão, o evento também contará com intensa programação cultural, como apresentação de capoeira, teatro e músicas. “Na feira passada, em abril, mais de cinco mil pessoas frequentaram o local. Nossa expectativa é de que milhares de pessoas passem pela feira a partir desta terça."



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - MENINO MESTIÇO

Por: André Montandon e Verônica Furtado Natural de Uberaba, Guilherme de Oliveira Junior, mais conhecido como Menino Mestiço é tido como uma dos grandes letristas da região. Escrevendo desde 2007, suas letras fomentam reflexão, constroem diálogos e empodera aqueles que são invisibilizados pela sociedade. Atuante na cultura Hip-Hop desde 2011 através das batalhas de MCs, em 2015 conseguiu de forma independente distribuir sua primeira mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita em Si Mesmo" , contendo as canções "Cantiga de Roda", "Queijo Minas" e "Negro Não Nego" música que ficou em terceiro lugar no Festival de Música autoral de Uberaba. No ano seguinte, se consolida como promessa na região com sua segunda mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita e Vai à Luta" , com destaques para os sons "Sem Sinal de Vida", "Anos 2000" e "Gatilho da Revolução. O artista também é responsável por inúmeras atividades como apres

BATE-PAPO COM JOÃO CARLOS NOGUEIRA

Por: André Montandon João Carlos Paranhos Nogueira  é um dos grandes nomes do esporte uberabense. Seu currículo é inspirador, abrange prêmios de destaque do ano, participações e títulos em importantes competições do país. Fera na natação, no triatlo e na maratona aquática, João começou a praticar esporte bem cedo, aos seis anos de idade.  Nas piscinas, são vários pódios, destaque para os títulos no Circuito Brasil e Circuito Paraolímpico. Em 2011, iniciou no Paratriathlon, também conseguindo bons resultados, como a Copa Brasil de 2018. Em 2014, começou na maratona aquática, com diversos títulos na categoria PCD  e sempre estando entre os melhores também contra nadadores sem deficiência, na categoria master. Medalhas em eventos importantes como no Desafio Aquaman, no Circuito de Maratona Aquática do Estado de São Paulo, na Travessia dos Fortes e o Circuito Rei e Rainha do Mar. No ano passado, mais um feito marcante em sua carreira, foi campeão na 52ª edição da Maratona Aquátic