Pular para o conteúdo principal

Feira do Livro tem mais de 3 mil exemplares em exposição no calçadão

Com mais de três mil livros, está sendo realizada no calçadão da rua Artur Machado a segunda edição da Feira do Livro. Estão expostos vários tipos de livros, com preços acessíveis e possibilidade de troca. A feira, que começou ontem, será realizada até sábado (11), das 8h às 20h.

As primeiras edições da feira foram realizadas em 2010, houve uma interrupção, mas as atividades foram retomadas este ano, sendo promovidas nos primeiros dias do mês. Um evento que agora conta com o apoio da Fundação Cultural, além de outras 15 entidades sindicais. O objetivo é popularizar o livro, movimentando o mercado e oferecendo descontos atrativos. Os livros podem ser adquiridos por R$1 a R$30 e ainda existe a possibilidade de troca de gêneros.

De acordo com um dos organizadores, J. Claudio, nesta edição da feira, assim que foram instaladas as tendas e os livros foram expostos, começaram a aparecer as primeiras pessoas interessadas em comprar um exemplar. “Isso mostra que existem pessoas que gostam de ler, é necessário apenas incentivá-las. Nas ultimas edições muitas pessoas compraram livros e o movimento é grande durante os dias em que estamos instalados no calçadão. A nossa intenção é fazer com que o hábito de ler retome na cidade. Dizem que o povo não gostar de ler, isso não é verdade, pois a quantidade de pessoas que participa da feira mostra o contrário”, explica o organizador, ressaltando que no início era apenas uma tenda e agora já são duas.

Ainda segundo Cláudio, estão expostos cerca de três mil livros, muito bem conservados, de todos os gêneros literários, que agradam desde crianças até os mais assíduos e exigentes leitores. Os livros estão distribuídos em 60 bancadas, para facilitar o acesso à leitura e o manuseio das obras. Todo esse acervo foi adquirido por doações, trocas e alguns comprados (interessados em doar, basta ligar no numero 8879-9413). “O dinheiro que arrecadamos com a feira serve para comprar novos exemplares e manter a estrutura”, afirma Cláudio, lembrando que a Fundação Cultural ajuda com a autorização do espaço e ainda com as tendas.

No sábado, último dia do feirão, o evento também contará com intensa programação cultural, como apresentação de capoeira, teatro e músicas. “Na feira passada, em abril, mais de cinco mil pessoas frequentaram o local. Nossa expectativa é de que milhares de pessoas passem pela feira a partir desta terça."



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - BOOGARINS

Por: André Montandon e Verônica Furtado
Benke, Dinho, Raphael e Ynaiã, estão de volta à Uberaba, para uma super apresentação de lançamento do 4º álbum de estúdio da Banda, intitulado "Sombrou dúvida". Nesse sábado, a partir das 21h, no espaço mais decolado da cidade, o Laboratório 96. O disco lançado oficialmente nessa sexta-feira, terá distribuição mundial pelo selo Overseas Artists, e traz 10 faixas inéditas - disponíveis nas principais plataformas digitais. Antes do lançamento oficial, o grupo disponibilizou  3 faixas do álbum, "Sombra ou Dúvida", "Invenção" e "Tardança", criando uma grande expectativa nos fãs por esse novo trabalho.  Podemos dizer sem duvida, que será o melhor álbum da carreira da Banda até o momento. E é claro, que não poderíamos perder a oportunidade de bater um papo novamente com a banda.  Confira a nossa entrevista:
- Os singles do novo Álbum "Sombrou dúvida", lançado recentemente, da o tom do que está por vir. …

UBERABENSES POLIANA E RAISSA SOBEM AO PÓDIO NOS JOGOS PARAPAN-AMERICANOS 2019

Uma quarta-feira mais que especial para as uberabenses Poliana Sousa e Raissa Machado. Que após participarem da prova de arremesso de peso (Poliana 9ª colocada) e arremesso de disco (Raissa 4ª colocada), modalidades que não é o forte delas, conquistaram medalhas para o Brasil nos Jogos Parapan-americanos em Lima, no Peru.

Poliana Sousa, conquistou um grande resultado na categoria F54 do Lançamento de Dardo. A prova ocorreu inicialmente na segunda-feira dia 26, mas devido a erros na aferição das marcas, foi anulada e realizada novamente nessa quarta. Mesmos com dores, Poliana repetiu a dose, confirmando o pódio com um arremesso que atingiu 14 metros. Encerrando assim, a sua primeira participação no Paran, com a conquista da medalha de bronze. Em conversa com a nossa equipe, a atleta não escondia a sua alegria e emoção. "Super, Hiper, Mega importante participar dessa competição. Dentre todos os contratempos que aconteceu, minha prova anulada. Hoje, no decorrer da minha ida (a compe…