Pular para o conteúdo principal

UMA BREVE HISTÓRIA DE UBERABA - PARTE 4

No século XX, a cidade demonstra um crescimento da agricultura, da pecuária, da indústria e do comércio, atendendo as demandas nos aspectos econômicos, culturais e de serviços essenciais à população

No século XXI foi finalmente construída e entregue nova ponte ligando São Paulo a Minas Gerais e duplicado a rodovia BR-050 que liga o Delta a Uberaba, cortando as terras que foram do Tenente Joaquim da Silva e Oliveira e as de seu irmão o Capitão Domingos da Silva e Oliveira.

Em 2008, Nossa Senhora da Abadia passa a ser a padroeira de Uberaba. Sua devoção em Uberaba, na década de 1870 e 1880,  foi introduzida pelo Alferes Antônio Carrilho de Castro, capitalista e vereador, e pelo Capitão Euardo José de Alvarenga Formiga, oriundos de Iguatama-MG, onde Nossa Senhora da Abadia é a padroeira.

Hoje Uberaba representa um centro comercial dinâmico, uma agricultura produtiva, um parque industrial diversificado e uma planejada estrutura urbana.

Pensando no futuro a cidade aguarda a constução do gasoduto, com a canalização do gás a partir da cidade de São Carlos. O gás dará oportunidade para a criação da fábrica de amônia, essencial para fabricação de fertilizantes.

Uberaba espera entrar ainda mais no cenário mundial com investimentos da ordem de bilhões de reais e geração de milhares de empregos com a chegada da fábrica de amônia.

Segundo o ultimo levantamento do IBGE em 2012  a população de Uberaba é de 302.623 habitantes, a oitava mais populosa do estado e a 82ª mais populosa do Brasil, contando com mais de 175 bairros e um crescimento populacional de aproximadamente 3 000 habitantes por ano. É considerada uma cidade-polo e seu produto interno bruto é o 72° maior do Brasil.
 
Dada à importância histórica de 02/03/1820, quando a cidade foi elevada à Freguesia, o Município instituiu oficialmente como a data que se comemora o aniversário de Uberaba.

Essa foi uma breve história que a equipe do Zebunarede buscou para os seus seguidores no mês de comemoração do aniversario da nossa cidade de Uberaba.


Cidade de Uberaba. Foto: Reprodução internet

Fonte: http://madrinhadaserra.com/a-uberaba-do-nosso-tempo 
          http://homemculto.com/2008/10/28/historia-de-uberaba 
          http://www.uberaba.mg.gov.br/portal/conteudo,328 



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - BOOGARINS

Por: André Montandon e Verônica Furtado
Benke, Dinho, Raphael e Ynaiã, estão de volta à Uberaba, para uma super apresentação de lançamento do 4º álbum de estúdio da Banda, intitulado "Sombrou dúvida". Nesse sábado, a partir das 21h, no espaço mais decolado da cidade, o Laboratório 96. O disco lançado oficialmente nessa sexta-feira, terá distribuição mundial pelo selo Overseas Artists, e traz 10 faixas inéditas - disponíveis nas principais plataformas digitais. Antes do lançamento oficial, o grupo disponibilizou  3 faixas do álbum, "Sombra ou Dúvida", "Invenção" e "Tardança", criando uma grande expectativa nos fãs por esse novo trabalho.  Podemos dizer sem duvida, que será o melhor álbum da carreira da Banda até o momento. E é claro, que não poderíamos perder a oportunidade de bater um papo novamente com a banda.  Confira a nossa entrevista:
- Os singles do novo Álbum "Sombrou dúvida", lançado recentemente, da o tom do que está por vir. …

UBERABENSES POLIANA E RAISSA SOBEM AO PÓDIO NOS JOGOS PARAPAN-AMERICANOS 2019

Uma quarta-feira mais que especial para as uberabenses Poliana Sousa e Raissa Machado. Que após participarem da prova de arremesso de peso (Poliana 9ª colocada) e arremesso de disco (Raissa 4ª colocada), modalidades que não é o forte delas, conquistaram medalhas para o Brasil nos Jogos Parapan-americanos em Lima, no Peru.

Poliana Sousa, conquistou um grande resultado na categoria F54 do Lançamento de Dardo. A prova ocorreu inicialmente na segunda-feira dia 26, mas devido a erros na aferição das marcas, foi anulada e realizada novamente nessa quarta. Mesmos com dores, Poliana repetiu a dose, confirmando o pódio com um arremesso que atingiu 14 metros. Encerrando assim, a sua primeira participação no Paran, com a conquista da medalha de bronze. Em conversa com a nossa equipe, a atleta não escondia a sua alegria e emoção. "Super, Hiper, Mega importante participar dessa competição. Dentre todos os contratempos que aconteceu, minha prova anulada. Hoje, no decorrer da minha ida (a compe…