Pular para o conteúdo principal

Morre ex-vice-presidente da República José Alencar



O ex-vice-presidente José Alencar Gomes da Silva faleceu ontem, aos 79 anos, no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. Ele havia se internado na tarde de segunda-feira (28) após sentir fortes dores abdominais, quando foi diagnosticado um quadro de obstrução intestinal. A morte foi confirmada pelo diretor-técnico do Sírio-Libanês, Antônio Carlos Onofre de Lira, e pelo diretor-clínico Paulo Ayrosa Galvão, através de nota oficial afirmando que José Alencar morreu às 14h41 “em decorrência de câncer e falência de múltiplos órgãos”.

O ex-vice-presidente lutava há treze anos contra a doença. Nos últimos meses, o quadro clínico se complicou e ele passou por sucessivas internações. A última, no fim do ano passado, durou 33 dias – tendo inclusive passado o Natal e o ano-novo no hospital. No dia 25 de janeiro, ele deixou o hospital para receber homenagem pelo aniversário de São Paulo e no dia seguinte recebeu autorização da equipe médica para permanecer em casa. Durante este período, José Alencar cogitou a hipótese de ir para a posse da presidente Dilma Rousseff (PT) em Brasília, mas acabou desistindo da viagem. 

José Alencar possui longa história com Uberaba. A última vez que compareceu à cidade foi no dia 4 de maio do ano passado para a abertura oficial da 76ª ExpoZebu, representando o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Na época, ele destacou o trabalho da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu como de “vanguarda” para manutenção da genética do rebanho brasileiro.

No dia 17 de março, na assinatura do protocolo de intenções para a implantação da fábrica de amônia e do gasoduto, o ex-vice-presidente foi a pessoa mais citada pelas autoridades, inclusive pela presidente Dilma Rousseff (PT), pelo empenho que teve na viabilidade dos dois investimentos. Por conta do tratamento contra o câncer, ele não pôde comparecer à solenidade, porém encaminhou uma carta ao prefeito Anderson Adauto (PMDB) justificando a ausência. José Alencar afirmou que a conquista do gasoduto e da fábrica de amônia deve-se ao empenho e determinação com aqueles que se dedicaram à causa. 

José Alencar foi agraciado com o Título de Cidadania Uberabense em 1976, cuja autoria foi do então vereador  Homero Vieira de Freitas. Em 1998, recebeu o Diploma de Honra ao Mérito, de iniciativa do ex-vereador e agora deputado estadual, Antônio dos Reis Gonçalves Lerin (PSB), durante a presidência de Ademir Vicente e, no ano passado, foi autorizada a concessão da Medalha Major Eustáquio. A homenagem seria entregue  durante a passagem dele pela cidade para a abertura da ExpoZebu, no ano passado, mas José Alencar foi embora de última hora, por questões pessoais.

Nesta quarta-feira, o corpo de Alencar estará em Brasília para as últimas homenagens. Amanhã, será realizado o velório em Belo Horizonte, no Palácio da Liberdade. O enterro acontece no início da noite, no cemitério do Bonfim, também na capital mineira.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - YSAAC & K.OLIVER

  Por: André Montandon Parceiros de longa data, Ysaac e K.Oliver seguem como eles mesmos dizem: "contrariando as estatísticas". Com muita luta, força, foco e fé, a dupla desenvolve o seu trabalho. E podemos dizer que já são referências em Uberaba e região. Além da carreira solo, eles participam de outros projetos ao lado de feras da cena local, com a Família BMX. Sempre em constante movimento, eles lançaram no mês de maio, o álbum que carrega em seu título o lema da dupla  "Contrariando as Estatísticas", produzido e gravado em São Paulo, conta com vídeo clipe em todas as faixas. Aproveitando o lançamento, batemos um papo com eles. Confira a seguir: - Para começar a nossa entrevista, gostaríamos de saber um pouco mais sobre o processo de produção/gravação do novo álbum? Ysaac/K.Oliver -  Salve família. Máximo Respeito. O processo de produção e gravação do nosso álbum ele veio com muita luta e muita história porque algumas músicas deste álbum duas ou três músicas eu

BATE-PAPO COM JOÃO CARLOS NOGUEIRA

Por: André Montandon João Carlos Paranhos Nogueira  é um dos grandes nomes do esporte uberabense. Seu currículo é inspirador, abrange prêmios de destaque do ano, participações e títulos em importantes competições do país. Fera na natação, no triatlo e na maratona aquática, João começou a praticar esporte bem cedo, aos seis anos de idade.  Nas piscinas, são vários pódios, destaque para os títulos no Circuito Brasil e Circuito Paraolímpico. Em 2011, iniciou no Paratriathlon, também conseguindo bons resultados, como a Copa Brasil de 2018. Em 2014, começou na maratona aquática, com diversos títulos na categoria PCD  e sempre estando entre os melhores também contra nadadores sem deficiência, na categoria master. Medalhas em eventos importantes como no Desafio Aquaman, no Circuito de Maratona Aquática do Estado de São Paulo, na Travessia dos Fortes e o Circuito Rei e Rainha do Mar. No ano passado, mais um feito marcante em sua carreira, foi campeão na 52ª edição da Maratona Aquátic