Pular para o conteúdo principal

"NUNCA ANTES NA HISTÓRIA DESSE PAÍS" - POR O BRASILEIRO


"Nunca antes na história deste país"... houve um líder politico com uma história como a dele;

"Nunca antes na história deste país"... um líder sindical enfrentou o regime militar, comandando a primeira grande greve em plena ditadura;

"Nunca antes na história deste país"... um cidadão se transformou no maior líder politico da esquerda brasileira;

"Nunca antes na história deste país"... um cidadão vindo das classes mais pobres chegou a ocupar por duas vezes a presidência da republica;

"Nunca antes na história deste país"... um cidadão concorreu tantas vezes pela presidência da republica;

"Nunca antes na história deste país"... um presidente deixou o cargo com uma popularidade alta como ele;

"Nunca antes na história deste país"... um presidente obteve bons resultados na economia em meio a uma crise mundial;

"Nunca antes na história deste país"... o país ganhou protagonismo nos encontro de lideres mundiais;

"Nunca antes na história deste país"... um presidente não sabia dos desvios de condutas e corrupção em torno do seu governo;

"Nunca antes na história deste país"... um presidente teve a chance de mudar a história dessa nação;

"Nunca antes na história deste país"...  foram descobertos esquemas de corrupção tão elaborados como os do mensalão e petrolão;

"Nunca antes na história deste país"... um partido/governo foi alvo de tantas investigações e teve figuras importantes afastadas e presas;

"Nunca antes na história deste país".. houve um presidente condenado por crimes de lavagem de dinheiro e corrupção passiva;

"Nunca antes na história deste país"... um presidente esteve tão perto do céu ao fim do mandato e agora ao passo do inferno com um mandado de prisão expedido.

"Nunca antes na história deste país"... 



.
Ass. O Brasileiro.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - MENINO MESTIÇO

Por: André Montandon e Verônica Sousa

Natural de Uberaba, Guilherme de Oliveira Junior, mais conhecido como Menino Mestiço é tido como uma dos grandes letristas da região. Escrevendo desde 2007, suas letras fomentam reflexão, constroem diálogos e empodera aqueles que são invisibilizados pela sociedade. Atuante na cultura Hip-Hop desde 2011 através das batalhas de MCs, em 2015 conseguiu de forma independente distribuir sua primeira mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita em Si Mesmo", contendo as canções "Cantiga de Roda", "Queijo Minas" e "Negro Não Nego" música que ficou em terceiro lugar no Festival de Música autoral de Uberaba. No ano seguinte, se consolida como promessa na região com sua segunda mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita e Vai à Luta", com destaques para os sons "Sem Sinal de Vida", "Anos 2000" e "Gatilho da Revolução. O artista também é responsável por inúmeras atividades como apresentações par…

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL