Pular para o conteúdo principal

QUANTIDADE REFLETE QUALIDADE? - POR O BRASILEIRO


Em meio as discussões em torno da votação/aprovação do aumento do número de vereadores no município de Uberaba, de 14 para 21 representantes, dividiu a opinião da população. De um lado, os defensores (especialmente os vereadores, é claro) argumentavam que a mudança trará maior representatividade à população uberabense, sem que haja aumento nos gastos públicos. Do outro lado, os opositores alegam que a decisão dos vereadores se dá em momento extremamente inoportuno e uma oneração aos cofres públicos em virtude do grande número de “indicados” que cada vereador costuma distribuir pelos órgãos municipais. Outro ponto apresentado a medida, é que ela só acontece porque os atuais vereadores tem receio de não conseguirem se reeleger face o descrédito da classe com a população. Manifestações e abaixo assinado foram realizado, mas nada disso foi suficiente para sensibilizar os vereadores.

Plenário da Câmara de vereadores. Foto: Reprodução internet 
Legalmente falando, não há nada de errado, o numero poderia ser ainda maior - chegando a 23 vereadores, devido ao numero de habitantes da cidade. Outra coisa, o repasse para manutenção da Câmara, chamado duodécimo, permanece o mesmo, de 5% da receita do município. Vale ressaltar ainda, que foi aprovado a redução da verba destinada para manutenção dos gabinetes (recurso utilizado para nomeação dos assessores). 

Mas afinal, teremos uma maior representatividade??

Vejamos:

Se nas próximas eleições forem escolhidos 21 bons representantes, a alteração foi positiva. Mas se, os escolhidos no pleito são péssimos representantes, então não valerá a pena. 

Isso só depende de nós. 
A nossa arma é o voto. 
Devemos deposita-lo com consciência.

Ass. O Brasileiro.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - INSURGÊNCIA SERTANEJA

Por: André Montandon e Verônica Furtado
Formada por Jéssica Carvalho (violão e voz), João Chiaratti (percussão, viola e voz), Karine Rodrigues (violino e voz), Maycol Mundoca (alfaia e voz) e Pedro Calota (percussão, violão e voz), a Insurgência Sertaneja é uma banda de música autoral uberabense, que trabalha os diversos ritmos melódicos e poéticos do sertão. Em uma mistura de música e poesia, a banda faz releituras de ritmos essencialmente brasileiros, fazendo uma viagem aos sertões através de ritmos como o baião, o carimbó, o congado, a moda de viola e o cordel em busca de desmistificar o sertanejo. 
Mesmo com pouco tempo de carreira, a Insurgência Sertaneja já levou a sua arte para diversas cidades do país, em festivais e eventos, dividindo palco com grandes nomes da musica brasileira.  Além do lançamento do álbum de estreia, "Meu sotaque, minha sina", em 2017.  Agora, o "bando" (como eles mesmos denominam),  prepara um super show cheio de novidades, no dia 18 …

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL