Pular para o conteúdo principal

CONHEÇA AS ATRAÇÕES DO STEREO LAB FESTIVAL



A primeira edição do Stereo Lab Festival, será realizado em Uberaba no dia 20/05 (sábado) no Espaço Oliveira, a partir das 18 horas, tendo como atração principal do evento a banda Boogarins. Além dos goianos, o line up é formado pelo Broken Jazz Society, Graveola, Lava Divers, Léo Freitas e Sick; conheça um pouco sobre cada uma delas:


Boogarins é uma banda brasileira de rock psicodélico e Neopsicodelia formada em Goiânia no ano de 2012 por Fernando "Dinho" Almeida (vocais e guitarra rítmica) e Benke Ferraz (guitarra solo), tendo Raphael Vaz (contrabaixo) e Ynaiã Benthroldo(bateria).  Com 1 EP, 4 álbuns lançado (sendo 3 em estúdio e 1 ao vivo), é atualmente uma das banda brasileira com maior destaca no cenário independente no exterior. Só em 2016, a banda goiana realizou turnês pela Europa e pelos Estados Unidos. 



Broken Jazz Society nasceu da vontade de unir a aspereza das novas vertentes do rock cru e grave produzido nos desertos californianos, aos clássicos setentistas ingleses lotados de lisergia e niilismo. Assim como o nome sugere, a BJS faz um contraponto ao refinamento e sofisticação do Jazz, utilizando a epítome da representação do rock simples e direto, como elemento chave de criação. O power trio uberabense é formado por Mateus Graffunder (vocal e guitarra), Felipe Araújo (bateria) e João Fernandes (baixo).



Graveola é hoje um nome de destaque indiscutível no cenário da nova música brasileira. Com 4 álbuns lançados, 5 turnês pela Europa e passagens pela Argentina e pelos EUA.
Com rumos bem traçados na sonoridade elétrica e psicodélica, a banda da capital mineira, apresenta seu 5º álbum, "Camaleão Borboleta". Com referências de grupos como Novos Baianos, Doces Bárbaros e ritmos do maracatu, frevo, ijexá, pagode baiano e samba-reggae, o disco mostra o amadurecimento da sonoridade da banda. O grupo é formado por Bruno de Oliveira (baixo, vocais), Gabriel Bruce (bateria, vocais), José Luís Braga (voz, guitarra, cavaco), Luiza Brina (voz, percussão, cavaco, escaleta), Luiz Gabriel Lopes (voz, guitarra), Henrique Staino (saxofone, teclado, escaleta)







Léo Freitas é um dos novos nomes da música uberabense. Sua banda vem ganhando muita repercussão tanto pela sonoridade quanto pelo animação nos shows.

As canções são uma mescla de ritmos sul latinos, em seu repertório brazuca carnavaliza passando do samba/rock e MPB ao dançante "mixirica", carinhosamente apelidado. Seu som segue referências de Chico Buarque, Adoniram Barbosa, Tião Carreiro, Novos baianos, Los Hermanos e Mano Chao.





Lava Divers surgiu em Araguari/MG, e chamou a atenção por seu som sujo e barulhento, mas com melodias que grudam na mente como chiclete debaixo da cadeira. Formada por João Paulo Porto (Voz/Guitarra), Ana Zumpano (Bateria/Voz), Glauco Ribeiro (Baixo/Voz) e Eddie Shumway (Guitarra), a banda passeia entre o Lo-fi, Grunge, Shoegaze, Pós-Punk e Britpop. Eles estão em tour de pré-lançamento do novo álbum. Já lançaram três clipes e um EP com quatro faixas.



SICK é uma banda de rock instrumental de Uberlândia/MG formada por: Pedro Negreto, Raphael Tx, Guilherme Levi e Douglas Carlos. Influenciado por bandas com vertentes de composição livre e instrumentais como: Toe, Macaco Bong, Shaolin Afronauts, Snarky Puppy entre outros; a banda traz uma diversidade sonora rica, dançante e imprevisível, proveniente da mistura de diversos ritmos, estilos e instrumentos.  Lançou seu primeiro EP intitulado "Light Switch" em 2015 e atualmente a banda está produzindo seu primeiro álbum.


Esse evento promete e você não pode ficar de fora!!

Realização: Laboratório 96. Mais informações: https://pt-br.facebook.com/laboratorio96/                                                                                                https://www.facebook.com/Stereolabfestival/

- Ingressos online: sympla.com.br/stereo-lab-festival__135613
- Pontos de venda: Açaí Pôr do Sol (próximo a UNIUBE), Havaianas (Shopping Uberaba e Praça Shopping) e Incêndio Shop (centro, Uberlândia)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - SUPLA

Por: André Montandon e Verônica Sousa



EDUARDO? SUPLA? PAPITO? CHAMPS!

Com mais de 1.800 shows, 190 músicas, 48 clipes, 17 discos em seus 30 anos de carreira. Eduardo Smith de Vasconcelos Suplicy, iniciou aos 14 anos de idade tocando bateria na banda Os Impossíveis. Mais tarde, entrou para a banda Metrópolis, mas logo foi convidado para ser o vocalista da banda Tokyo - onde teve grande destaque no cenário nacional. 
Em 2009 Supla e seu irmão João, decidiram formar o Brothers Of Brazil, com o qual ganharam destaque internacional e realizaram só entre o Reino Unido e os EUA mais de 250 shows. De volta a carreira solo em 2016, o artista lançou esse ano o álbum bilíngue, "Illegal". E Uberaba, teve a oportunidade de conferir um pouco desse novo trabalho, no show realizado no dia 18 de maio na Casa de Giulietta, onde Supla foi acompanhado pela banda Dillinger. Aproveitamos essa visita para bater um papo com esse ícone do rock nacional. Confira:
- Como foi o processo de criação do seu …

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - MENINO MESTIÇO

Por: André Montandon e Verônica Sousa

Natural de Uberaba, Guilherme de Oliveira Junior, mais conhecido como Menino Mestiço é tido como uma dos grandes letristas da região. Escrevendo desde 2007, suas letras fomentam reflexão, constroem diálogos e empodera aqueles que são invisibilizados pela sociedade. Atuante na cultura Hip-Hop desde 2011 através das batalhas de MCs, em 2015 conseguiu de forma independente distribuir sua primeira mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita em Si Mesmo", contendo as canções "Cantiga de Roda", "Queijo Minas" e "Negro Não Nego" música que ficou em terceiro lugar no Festival de Música autoral de Uberaba. No ano seguinte, se consolida como promessa na região com sua segunda mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita e Vai à Luta", com destaques para os sons "Sem Sinal de Vida", "Anos 2000" e "Gatilho da Revolução. O artista também é responsável por inúmeras atividades como apresentações par…