Pular para o conteúdo principal

SELEÇÃO FEMININA CONQUISTA O 19º TÍTULO SUL-AMERICANO EM UBERABA


É campeão, é campeão!!! Foi nesse clima de muita festa que se encerrou o XXIII Sul-americano Sub-20 feminino em Uberaba, que ficou marcado com o Eneadecacampeonato da seleção brasileira.

Foto: André - Equipe zebunarede
Mas antes do titulo, vamos falar do jogo contra o Perú, adversário duríssimo que venho disposto a colocar "água no chopp" do Brasil. A partida começou equilibrada e com ótimos lances de ambas equipes, as brasileiras se deram melhor e fecharam o set em 25 a 19; No segundo, o Peru foi superior quase todo o set, mantendo uma diferença de 3 pontos no placar. Até que, com o apoio da torcida uberabense, as brasileiras surpreendentemente tomaram a ponta e fecharam o placar em 25 a 22; No ultimo set, a equipe verde amarela saiu na frente, demostrando disposição para acabar com o jogo. As peruanas até encostaram no placar em um certo momento (17-12), mas o dia estava marcado para mais uma conquista brasileira, que veio nas mãos de Diana, fechando o set em 25 a 14, e o jogo em 3 a 0 (25/19, 25/22 e 25/14). Com o resultado, as brasileiras garantiram vaga para o Mundial da categoria, que será disputado em 2017, no México.

Foto: André - Equipe zebunarede
Se engana quem acha que esse jogo foi fácil para o Brasil. A equipe do Peru demostrou um ótimo voleibol, e tudo isso se deve ao brasileiro Marco Queiroga, que está há mais de 1 ano a frente do comando da equipe e vem desenvolvendo um ótimo trabalho na base  com a formação de novas atletas para a equipe principal.

Batemos um papo com técnico Marco Queiroga, e estaremos disponibilizando ainda essa semana.
André - Equipe zebunarede)

CLASSIFICAÇÃO:

1- BRASIL
2- ARGENTINA
3 - PERU
4 - URUGUAI
5 - CHILE
6 - PARAGUAI

TÍTULOS INDIVIDUAIS:

MVP: Lorrayna Marys (BRASIL)
Melhor levantadora: Jackeline Moreno (BRASIL)
Melhor oposto: Lorrayna Marys (BRASIL)
Melhores pontas: Glayce Kelly (BRASIL) e Leslie Leyva (Peru)
Melhores centrais: Diana Alecrim (BRASIL) e Agostina Beltramino (Argentina)
Melhor Libero: Valentina Gonzalez (ARGENTINA)


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - ERVA MATT

Por: André Montandon

Uma das mais tradicionais bandas de rock independente de Uberaba, iniciou suas atividades em 1996, tendo como influência os grandes nomes do rock dos anos 80, além do fortalecimento da cena nacional.
Após 10 anos de estrada e mesmo com o grande sucesso da musica "Romeu e Julieta", decidiram "dar um tempo" na carreira após algumas frustrações.

Mas o amor pela musica falo mais alto e em 2015 eles voltaram com toda energia, com Fábio Parré na guitarra, Giovanni Dumdum na batera, Rogério Possati no baixo e Well Nandes nos vocais. Lançaram em 2017 o vídeo clipe de "Romeu e Julieta"; Esse ano,  o segundo EP em formato digital com o selo da Tratore e o vídeo clipe da musica "E vem".

Batemos um papo com baixista Rogério Possati que nos contou um pouco mais dessa história e muito mais!! Confiram:

- Do inicio em 1996 pra cá, muita coisa rolou não só com a banda, mas com a cena musical. Conte-nos um pouco da trajetória da banda? 
Rogéri…

UBERABENSE CONQUISTA O CAMPEONATO BRASILEIRO DE PETECA

No ultimo final de semana em Curitiba/PR, o uberabense Douglas Silva e o seu parceiro Matheus Martins/GO, alcançaram o topo da categoria adulta - 1ª Classe no Campeonato Brasileiro de Peteca, que nessa 30ª edição, contou com a participação das duplas campeãs de Goiás, Minas, São Paulo, Rondônia, Paraná, Brasília, do clube Curitibano e de duas duplas convidadas da França. 


Douglas representou Goias após convite de Matheus para disputar o Goiano, no qual foram vitoriosos. O titulo nacional veio após uma final pra lá de emocionante contra os representantes mineiros Tonho e Japa. A FINAL - Douglas/Matheus venceram o 1º set; O segundo foi dos mineiros (sendo que no finalzinho do set, Matheus se machucou, criando um clima de apreensão).  O Tiebreak foi pura emoção!! Perdendo de 12 a 9, Douglas e Matheus demostraram muita experiência, sangue frio e superação para reverter o placar e fechar o set em 17 a 15 e o jogo em 2 a 1.
Carreira - Atualmente com 28 anos, Douglas Silva, começou a praticar…