Pular para o conteúdo principal

COMUNICADO SOBRE O ABASTECIMENTO EM UBERABA



Um problema operacional dentro da Estação de Tratamento de Água (ETA) paralisou o processo de tratamento na madrugada de quarta-feira (18), repercutindo em toda o complexo de reservação de água do Codau. Um dos insumos do tratamento, o sulfato de alumínio líquido, não foi entregue pela empresa fornecedora - Bauminas Química Ltda - dentro do prazo estipulado pelo Codau. 

O atraso no cumprimento do cronograma de entrega gerou uma notificação judicial para a Bauminas Química Ltda, mesmo diante das informações extraoficiais que chegaram à direção do Codau, justificando o atraso. Segundo consta, toda a produção da indústria foi direcionada para atender o desastre ecológico de Mariana (MG) e das cidades que margeiam o rio Doce.

As reservas internas são suficientes para atender a demanda interna por 15 dias. Este insumo é parte integrante das soluções químicas usadas no tratamento e a função dele é a de reduzir a turbidez da água. Sem o sulfato não é possível produzir uma água limpa e de qualidade para ser distribuída. 

Neste momento, há sete dos 10 Centros de Reservação fechados e a tendência, até o final da tarde, é que outros também sejam fechados. O problema concentra-se na ETA e não na falta de água no rio Uberaba, que continua com grande vazão neste período de chuva. 

A empresa fornecedora garantiu que ainda hoje, no final da tarde um carregamento com o sulfato de alumínio chegará a Uberaba. O Codau calcula que serão 12 horas de interrupção no tratamento da água. Por isso, o Codau alerta que a população deve imediatamente adotar medidas severas de controle da água reservada nas caixas de água domésticas, até que a situação seja completamente normalizada. 

A direção do Codau lamenta todos os fatos e volta a reafirmar que está trabalhando para solucionar este problema operacional o mais rápido possível, mas o sistema deverá ter repercussão no abastecimento por 3 a 4 dias.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - ERVA MATT

Por: André Montandon

Uma das mais tradicionais bandas de rock independente de Uberaba, iniciou suas atividades em 1996, tendo como influência os grandes nomes do rock dos anos 80, além do fortalecimento da cena nacional.
Após 10 anos de estrada e mesmo com o grande sucesso da musica "Romeu e Julieta", decidiram "dar um tempo" na carreira após algumas frustrações.

Mas o amor pela musica falo mais alto e em 2015 eles voltaram com toda energia, com Fábio Parré na guitarra, Giovanni Dumdum na batera, Rogério Possati no baixo e Well Nandes nos vocais. Lançaram em 2017 o vídeo clipe de "Romeu e Julieta"; Esse ano,  o segundo EP em formato digital com o selo da Tratore e o vídeo clipe da musica "E vem".

Batemos um papo com baixista Rogério Possati que nos contou um pouco mais dessa história e muito mais!! Confiram:

- Do inicio em 1996 pra cá, muita coisa rolou não só com a banda, mas com a cena musical. Conte-nos um pouco da trajetória da banda? 
Rogéri…