Pular para o conteúdo principal

ESTAÇÕES DO BRT SÃO ALVOS DE VANDALISMO


Desde a inauguração em janeiro, 40 vidros das estações tubo já foram trocados após terem sido trincados ou quebrados. Cada vidro custa R$500, ou seja, um prejuízo de R$20 mil. Na semana passada, um homem furtou nove câmeras de videomonitoramento, das quais duas foram recuperadas e o homem foi identificado e detido. Outra ação registrada é a entrada sem pagar através da passagem pelas catracas de saída, forçando as portas por onde descem e embarcam os passageiros ou pela porta de acesso dos cadeirantes.

O superintendente de transporte coletivo da Prefeitura, Claudinei Nunes, afirmou que vários flagrantes foram registrados e o prejuízo total é imensurável. Segundo ele, infratores foram identificados, sendo em maioria adolescentes ou jovens.

Para solucionar esse problema, duas medidas em fase de teste são: a mudança das catracas e a implantação de travas nas portas. Os protótipos foram instalados na estação 2, nessa terça-feira. Segundo o gerente de tecnologia da Transube, Elton Ramos, o equipamento será testado e, se funcionar, todas as catracas serão trocadas.

Foto: Reprodução internet
O famoso "jeitinho brasileiro", que para muitos, é considerado uma forma de esperteza ou vantagem, nada mais é que um ato de CORRUPÇÃO. Os infratores não raciocinam que essa atitude provoca prejuízos a todos, infratores ou não, que pagaram mais impostos para suprir esses prejuízos. 
E depois querem reclamam do sistema. Ahhhh, vá plantar batata!


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - ERVA MATT

Por: André Montandon

Uma das mais tradicionais bandas de rock independente de Uberaba, iniciou suas atividades em 1996, tendo como influência os grandes nomes do rock dos anos 80, além do fortalecimento da cena nacional.
Após 10 anos de estrada e mesmo com o grande sucesso da musica "Romeu e Julieta", decidiram "dar um tempo" na carreira após algumas frustrações.

Mas o amor pela musica falo mais alto e em 2015 eles voltaram com toda energia, com Fábio Parré na guitarra, Giovanni Dumdum na batera, Rogério Possati no baixo e Well Nandes nos vocais. Lançaram em 2017 o vídeo clipe de "Romeu e Julieta"; Esse ano,  o segundo EP em formato digital com o selo da Tratore e o vídeo clipe da musica "E vem".

Batemos um papo com baixista Rogério Possati que nos contou um pouco mais dessa história e muito mais!! Confiram:

- Do inicio em 1996 pra cá, muita coisa rolou não só com a banda, mas com a cena musical. Conte-nos um pouco da trajetória da banda? 
Rogéri…

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL