Pular para o conteúdo principal

TARIFA DO TRANSPORTE COLETIVO EM UBERABA PASSA PARA R$ 3,10


Ficou definido nessa sexta-feira o reajuste na tarifa do transporte coletivo de Uberaba. O aumento do valor passagem para R$ 3,10, foi anunciado após reuniões do Conselho Municipal de Transporte Público de Uberaba (CMTP) para avaliar planilhas de empresas concessionárias, que solicitaram o custo de R$3,12. Em porcentagem, a alteração significou aumento de 10,7% e a nova tarifa entrará em vigor a partir de amanhã.

A atual gestão do município, exigiu a modernização da frota. Outra novidade no transporte coletivo diz respeito ao sistema BRT, cuja operação está prevista para ser iniciada entre os dias 20 e 30 de janeiro.

A nossa equipe, já havia comentado na nossa pagina no Facebook sobre a solicitação de reajuste pelas empresas concessionárias e que o valor não ultrapassaria R$ 3,10. Esse é mais um custo que o uberabense terá que enfrentar esse ano. 

Foto: Reprodução internet

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - CARNE DOCE

Por: André Montandon e Verônica Furtado
Fundada em Goiânia por Salma Jô e Macloys (Mac) em 2013, o Carne Doce é uma das mais importantes bandas do indie brasileiro. A ótima avaliação do primeiro disco autointitulado, que ocupou várias listas em 2014, foi ampliada em "Princesa", um dos mais elogiados lançamentos brasileiros de 2016.

Com apoio da Natura Musical, a banda formada por Salma Jô (voz), Macloys Aquino e João Victor Santana (guitarra), Anderson Maia (baixo) e Ricardo Machado (bateria). acabam de lançar seu terceiro disco, “Tônus”. E nós teremos a oportunidade de conferir esse novo trabalho, no dia 15 de setembro, no Laboratório 96.

Aproveitamos essa visita para bater um papo com o guitarrista Mac. Confira:

Como começou a ser desenhado o álbum Tônus e como foi o seu processo de produção?
Mac - O disco começou a ser concebido no final de 2017 pela necessidade de sucedermos o "Princesa", que ainda é um disco que caminha, ainda é "descoberto", mas que j…