Pular para o conteúdo principal

CONCHA ACÚSTICA TERÁ REABERTURA EM GRANDE ESTILO


Após um mês sem eventos devido a revitalização realizada pela Fundação Cultural em parceria com a Prefeitura de Uberaba, a Concha Acústica será reaberta com força total no próximo domingo com as apresentação de Kiko Zambianchi e Tico Santa Cruz.

Instalação da cobertura metálica da Concha Acústica. Foto: Equipe zebunarede


O retorno do “Domingo na Concha”, que nesse mês completa um ano, será no mesmo horário, das 11h às 14h. Para esse evento, Fundação Cultural, convida os artesãos para expor seus artesanatos.O espaço será aberto a todo artesão que quiser divulgar e comercializar seus produtos.

A revitalização do espaço contou com as reformas dos banheiros, instalação de portas no camarim, pintura nos bancos e na parte interna, colocados holofotes para iluminar o palco e a plateia, e trocada toda a fiação elétrica. Esta parte foi feita em parceria com a Prefeitura de Uberaba, que cedeu a mão de obra, e a Fundação Cultural, na aquisição do material.

Também foi colocado alambrado metálico tubo e tela soldada, revestida na cor verde para garantir mais segurança ao público. A Fundação está colocando, ainda, estrutura em alumínio para palco, com cobertura semelhante a de Palco Space para dar mais comodidade aos artistas. Na arquibancada serão colocadas três tendas para dar comodidade e maior tranquilidade para a população.

Inaugurada em abril de 1971, na praça Afonso Pena, a Concha Acústica foi construída para promover a cultura uberabense. Tornando-se o principal espaço cultural alternativo de Uberaba.

Apresentações com:

Banda Banzai - formada pelos músicos uberabenses Ricardo Moraes (baixo); Douglas Oliveira (guitarra); Fernando Remiggi (bateria) e Pedro Ferreira (teclados) - irá acompanhar Kiko Zambianchi. 

Já a banda Os Baltazares - formada por Marcim (vocal); Zoca (bateria); João Guilherme (guitarra) e Diou Diou (baixo) - irá acompanhar Tico Santa Cruz.



NÃO VÁ PERDER ESSA, MANÉ!



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - MENINO MESTIÇO

Por: André Montandon e Verônica Furtado

Natural de Uberaba, Guilherme de Oliveira Junior, mais conhecido como Menino Mestiço é tido como uma dos grandes letristas da região. Escrevendo desde 2007, suas letras fomentam reflexão, constroem diálogos e empodera aqueles que são invisibilizados pela sociedade. Atuante na cultura Hip-Hop desde 2011 através das batalhas de MCs, em 2015 conseguiu de forma independente distribuir sua primeira mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita em Si Mesmo", contendo as canções "Cantiga de Roda", "Queijo Minas" e "Negro Não Nego" música que ficou em terceiro lugar no Festival de Música autoral de Uberaba. No ano seguinte, se consolida como promessa na região com sua segunda mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita e Vai à Luta", com destaques para os sons "Sem Sinal de Vida", "Anos 2000" e "Gatilho da Revolução. O artista também é responsável por inúmeras atividades como apresentações p…

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL