Pular para o conteúdo principal

Nacional Futebol Clube completa 69 anos de fundação hoje

A quinta-feira é de comemoração no estádio Juscelino Kubitschek. O Nacional Futebol Clube completa hoje 69 anos de fundação. Na bagagem, o Elefante traz histórias de conquistas, momentos difíceis e apoio incondicional de uma torcida apaixonada.  
Fundado em 1º de agosto de 1944, por Oto Sabino e amigos, o clube vem passando por reestruturações, dentro e fora dos gramados, na gestão do atual presidente Salem Ibrahim El Messih. 
 
Nos últimos três anos, a diretoria suou a camisa para quitar dívidas que poderiam ter levado o clube social à falência, depois de amargar quatro anos de ausência no futebol profissional. 
 
Antônio Carlos de Oliveira, diretor Financeiro, comemora a estabilidade econômica do Alvinegro. “Devemos lembrar esta data e vamos comemorar como nunca na história do Nacional. Estamos vendo os resultados. Tem coisas boas acontecendo e, com o clube honrando seus compromissos financeiros, temos mesmo que fazer festa”. 
 
Para colocar o time em campo e disputar a Terceirona do Campeonato Mineiro, a torcida nacionalista se organizou e fundou a Associação Avante Naça. 
 
Há quase quatro meses os torcedores vêm promovendo eventos para angariar recursos e estão engajados em ações sociais. Tudo isso para elevar o nome do Nacional e recolocar o time de futebol nas principais divisões do Estado. 
 
Com tantos bons motivos, a festa promete ser inesquecível. No próximo sábado, o clube promoverá um almoço comemorativo e homenageará personalidades de Uberaba e ex-jogadores que ajudaram a escrever os capítulos de quase sete décadas de existência. 
 
“Queremos dizer a estas pessoas que elas são muito importantes e o quanto precisamos delas conosco para que o clube permaneça vivo. Nós queremos a torcida unida porque, só assim, a gente vai conseguir fazer tudo que foi planejado quando assumimos a administração do clube”, ressaltou Salem Ibrahim El Messih. 
 
O torcedor que quiser participar do evento pode adquirir os convites na secretaria do clube a R$ 20. Para levar a camisa comemorativa e o ingresso, o valor é R$ 40.
 
fonte: www.jmonline.com.br
 
 







AVANTE NAÇA RUMO A TÓQUIO

 

 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - MENINO MESTIÇO

Por: André Montandon e Verônica Sousa

Natural de Uberaba, Guilherme de Oliveira Junior, mais conhecido como Menino Mestiço é tido como uma dos grandes letristas da região. Escrevendo desde 2007, suas letras fomentam reflexão, constroem diálogos e empodera aqueles que são invisibilizados pela sociedade. Atuante na cultura Hip-Hop desde 2011 através das batalhas de MCs, em 2015 conseguiu de forma independente distribuir sua primeira mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita em Si Mesmo", contendo as canções "Cantiga de Roda", "Queijo Minas" e "Negro Não Nego" música que ficou em terceiro lugar no Festival de Música autoral de Uberaba. No ano seguinte, se consolida como promessa na região com sua segunda mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita e Vai à Luta", com destaques para os sons "Sem Sinal de Vida", "Anos 2000" e "Gatilho da Revolução. O artista também é responsável por inúmeras atividades como apresentações par…

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL