Pular para o conteúdo principal

Saúde anuncia a chegada de 10 mil doses de vacinas contra H1N1

Prefeitura recebeu esta semana primeira remessa de vacinas contra a gripe. Ao todo, 30 mil doses foram adquiridas por meio de adesão à ata de registro de preços do Ministério da Saúde. No entanto, apenas 10 mil vacinas foram disponibilizadas para recomeçar a imunização hoje e amanhã. Até agora, Uberaba é a primeira cidade mineira que recorreu à compra de vacinas na rede particular.
 
A vacinação será para crianças de seis meses até cinco anos de idade, idosos e portadores de doenças crônicas. Para o último grupo, será necessário apresentar documento que comprove a condição de saúde. Tem direito à vacina pessoas com doenças crônicas respiratórias, cardíacas, renais, hepáticas e neurológicas, bem como os diabéticos, obesos, pacientes que receberam transplante de órgãos e medula óssea e os portadores de Síndrome de Down e imunossupressão. As doses serão distribuídas nas unidades básicas de saúde dos bairros Abadia, Boa Vista e Volta Grande. O horário de atendimento será das 8h às 17h.
 
O secretário municipal de Saúde, Fahim Sawan (sem partida), informa que o laboratório programou a entrega de mais 10 mil doses na próxima semana e o restante antes do fim de julho. Por isso, ele afirma que não há necessidade de tumulto para conseguir a vacina. “Não há por que a população se apavorar e nem de correria às unidades”, argumenta.
 
Entretanto, o estoque extra de vacinas não será suficiente para a imunização em massa contra a gripe. Com as doses adquiridas pela Prefeitura, o município atingirá um terço da população vacinada. “À medida que os grupos prioritários forem imunizados, nós vamos reunir o comitê de gerenciamento de crise e definir os demais públicos que devem receber”, salienta.
 
Cada unidade da vacina custou R$25 aos cofres municipais. Com isso, aproximadamente R$750 mil foram desembolsados para o combate à gripe. Além disso, a Secretaria de Saúde anunciou a aquisição de 1.000 testes rápidos para suprir a demanda das Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs). O produto estará disponível a partir de hoje. Por enquanto, ainda não foram montados nas UPAs leitos de isolamento. A Prefeitura busca recursos do governo federal para compra de aparelhos necessários à estruturação do serviço.
 

 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

UMA BREVE HISTÓRIA DE UBERABA

O povoamento da região de Uberaba teve início, no final do século XVIII, com sesmarias concedidas pela Capitania de Goiás, entre elas, a Fazenda das Toldas, ainda existente, concedida a Tristão de Castro Guimarães, e as Fazendas Santo Inácio, Ponte Alta e Bebedouro, concedidas, em 1799, ao Tenente Joaquim da Silva e Oliveira, irmão do Sargento-Mor Antônio Eustáquio da Silva e Oliveira, todas estas fazendas situadas ao sul da atual Uberaba.

O povoado de Uberaba, foi fundada, em 1809, pelo sargento-mor comandante da Companhia de Ordenanças do Distrito do Julgado do Desemboque da Capitania de Goiás, Antônio Eustáquio da Silva e Oliveira.
A primeira casa de Uberaba, construída pelo Sargento-Mor Antônio Eustáquio, localizava-se na atual esquina da Praça Rui Barbosa com a Rua Artur Machado, do lado esquerdo de quem desce a rua Artur Machado.

Uberaba surgiu pela migração de familias que deixaram as já esgotadas regiões produtoras de ouro, porém fracas para agricultura, da Capitania d…

70 ANOS DA ESCOLA ESTADUAL MINAS GERAIS

Fundada em 1944, a Escola Estadual Minas Gerais é uma das instituições de ensino mais tradicionais de Uberaba e completa esse mês 70 anos. Uma série de ações serão desenvolvidas dentro e fora da instituição no intuito de apresentar para a comunidade uberabense toda a sua história.
Estão sendo realizadas diversas ações como, postagem de fotos antigas de alunos e funcionários na tentativa de descobrir que são os personagens de grande história. Entrevistas com ex-alunos, elaboração de um jornal contato a trajetória do minas, a construção de uma capsula do tempo que será aberta daqui à 10 anos, entre outras.
Um destaque especial para criatividade dos grafiteiros que deram vida aos muros externo do colégio. Demonstrando a importante da intervenção artística de grafiteiros na vida urbana. 


O prédio foi construído em 1929 e até hoje mantém as mesmas características. Foi nele que funcionou o primeiro quartel militar da cidade. E desde de 2013, o Conselho de Patrimônio Histórico e Artístico d…