Pular para o conteúdo principal

Atletas do Nacional fazem primeiro coletivo esta tarde no Uberabão

O Nacional segue se preparando para a disputa da Terceirona. O primeiro coletivo do Alvinegro está programado para esta tarde, a partir das 15h30, no Uberabão. Na atividade, o técnico Pedro Medina terá a oportunidade de observar os jogadores que chegaram ao clube através de uma parceria com empresário Alexandre Magno, da AML Sports. São eles: o lateral-direito Airton (19 anos); o meio-campista Deivid (18 anos); e o atacante Lineker (18 anos).
 
“Na semana passada eu estive em Uberaba para conhecer a estrutura do clube. Fiquei maravilhado com a diretoria do Nacional. Eles são sérios e a gente está precisando de mais pessoas assim no futebol. E isso nos trouxe uma motivação de estar engatinhando uma parceria que no futuro pode ser grandiosa tanto para o Nacional, quanto para os jogadores e para a nossa empresa”, disse Alexandre Magno, ex-dono do Coimbra.
 
Segundo o empresário, a intenção é de trazer jogadores que cheguem para ser titulares no Naça. Outros dois atletas são aguardados nos próximos dias: o lateral-esquerdo Valter, de 26 anos, que estava no Valério, e o volante Brayan, de 22 anos, que defendia o Rio Preto. 
 
Observação. Além dos atletas cedidos pelo empresário Alexandre Magno, outros dois jogadores estão sendo observados pela comissão técnica do Alvinegro. O goleiro Helton, ex-Baraúnas, e Ferrugem, que defende as cores do Vila Nova no Amadorão, devem participar do coletivo desta tarde.
 

 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - INSURGÊNCIA SERTANEJA

Por: André Montandon e Verônica Furtado
Formada por Jéssica Carvalho (violão e voz), João Chiaratti (percussão, viola e voz), Karine Rodrigues (violino e voz), Maycol Mundoca (alfaia e voz) e Pedro Calota (percussão, violão e voz), a Insurgência Sertaneja é uma banda de música autoral uberabense, que trabalha os diversos ritmos melódicos e poéticos do sertão. Em uma mistura de música e poesia, a banda faz releituras de ritmos essencialmente brasileiros, fazendo uma viagem aos sertões através de ritmos como o baião, o carimbó, o congado, a moda de viola e o cordel em busca de desmistificar o sertanejo. 
Mesmo com pouco tempo de carreira, a Insurgência Sertaneja já levou a sua arte para diversas cidades do país, em festivais e eventos, dividindo palco com grandes nomes da musica brasileira.  Além do lançamento do álbum de estreia, "Meu sotaque, minha sina", em 2017.  Agora, o "bando" (como eles mesmos denominam),  prepara um super show cheio de novidades, no dia 18 …

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL