Pular para o conteúdo principal

PMU vai retirar seis radares e implantar mais lombadas

Secretaria de Trânsito e Transportes está revitalizando pontos críticos da cidade, considerados nevrálgicos, com demanda intensa de trânsito. A informação é do secretário da pasta, Emmanuel Kappel. 

Segundo ele, estão sendo realizadas pinturas horizontais e verticais, principalmente em quebra-molas, como ocorreu na semana anterior, na avenida Nelson Freire. Atualmente, equipe trabalha na avenida Tonico dos Santos, com previsão de deslocamento para a avenida Marcus Cherem.

Emmanuel explicou que além das vias centrais, a Secretaria está voltando a atenção para revitalização dos bairros periféricos de Uberaba, entre eles o Residencial 2000. “No Centro, onde é detectada a necessidade de reforçar a sinalização, a Settrans a faz, salvo a avenida Leopoldino de Oliveira que depende de uma série de decisões referente às BRT. Mas, o nosso projeto é atingir 100% de Uberaba: bairros, centro e também as vias de acesso às agrovilas”, reforça, acrescentando que os recursos existentes são suficientes para até o final deste ano. 

O secretário explicou que está em fase de licitação a aquisição de placas para sinalização de identificação dos logradouros das ruas da cidade. “Posteriormente vamos incluir em um geoprocessamento, onde os uberabenses poderão acessar e localizar essas vias mais facilmente”.

Em relação à implantação de quebra-molas, o secretário defende o redutor de velocidade como forma educativa e menos dispendiosa do que radares. “Ele é bem mais barato. Ambos são eficientes, mas a nossa intenção não é multar. O foco tem que ser a educação para um trânsito mais seguro”, opinou. No custo benefício, expressa o secretário, o radar não é favorável, embora importante em alguns locais. Ele acrescentou que seis serão retirados nos próximos dias, a ser divulgado posteriormente, por não comportar no orçamento da Secretaria.  Hoje em Uberaba, conforme Emmanuel, existem cerca de 390 quebra-molas instalados. “Destes, colocamos 12 com custo de R$ 20 mil. Um radar tipo bandeira despende R$ 22 mil mensal”, finalizou.

fonte: www.jmonline.com.br



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - MENINO MESTIÇO

Por: André Montandon e Verônica Sousa

Natural de Uberaba, Guilherme de Oliveira Junior, mais conhecido como Menino Mestiço é tido como uma dos grandes letristas da região. Escrevendo desde 2007, suas letras fomentam reflexão, constroem diálogos e empodera aqueles que são invisibilizados pela sociedade. Atuante na cultura Hip-Hop desde 2011 através das batalhas de MCs, em 2015 conseguiu de forma independente distribuir sua primeira mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita em Si Mesmo", contendo as canções "Cantiga de Roda", "Queijo Minas" e "Negro Não Nego" música que ficou em terceiro lugar no Festival de Música autoral de Uberaba. No ano seguinte, se consolida como promessa na região com sua segunda mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita e Vai à Luta", com destaques para os sons "Sem Sinal de Vida", "Anos 2000" e "Gatilho da Revolução. O artista também é responsável por inúmeras atividades como apresentações par…

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL