Pular para o conteúdo principal

Aeroporto de Uberaba incluído no Plano Nacional de Aviação

Uberaba está entre os 270 municípios que serão atendidos na primeira fase do Plano Nacional de Aviação Regional. Em Minas, outras 32 cidades serão atendidas com recursos do governo federal, totalizando um investimento de R$815,5 milhões na rede aeroportuária do Estado. Os dados são da Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República.
 
O governo federal ainda não definiu como os recursos serão distribuídos entre os 33 municípios mineiros. O plano abrange tanto investimentos em infraestrutura dos aeroportos como também subsídios para empresas interessadas em operar rotas regionais e isenções de tarifas.
 
A Secretaria de Aviação Civil informa que estudos estão em andamento para elaboração dos parâmetros para a concessão de subsídios. Concluída esta etapa, será possível definir os valores destinados a cada cidade contemplada no plano. A previsão é divulgar os números no segundo semestre deste ano.
 
Em Uberaba, o programa federal poderá ser uma ferramenta para atrair companhias aéreas e ampliar os voos oferecidos no aeroporto local. O Plano Nacional de Aviação prevê subsídios para custeio de 50% dos assentos em rotas regionais. Também haverá isenção de tarifas de embarque, pouso e permanência e navegação aérea.
 
Além disso, a verba do plano poderá custear a ampliação da pista do aeroporto. A obra é necessária para atender às exigências de segurança da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). No entanto, ainda não há consenso sobre o projeto.
 
Em 2012, foi apresentada a proposta de desapropriar área de aproximadamente 45 mil metros quadrados no entorno do aeroporto para aumentar a pista de pouso e oferecer um espaço livre de obstáculos às aeronaves. Para tanto, como seria necessária a desapropriação de 500 imóveis no local. A medida gerou contestações este ano e agora a Prefeitura tentar desenvolver um projeto alternativo em parceria com a Infraero, mas nada avançou até agora.
 
Enquanto isso, a vizinha Uberlândia, também contemplada no Plano de Aviação Regional, anunciou ontem projeto de ampliação da estrutura técnica e operacional do aeroporto. A obra prevê expansão do pátio de aeronaves, das salas de embarque e desembarque, da pista de pouso e decolagem; instalação de terminal de logística e de área de estacionamento também está inclusa na proposta. Não será necessária desapropriação na área. O cronograma de execução se estende até 2029.
 
FONTE:www.jmonline.com.br
 
 
 
SERÁ QUE ESTA CIDADE AINDA, VAI TER UM AEROPORTO DECENTE.......FALA SÉRIO

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

UMA BREVE HISTÓRIA DE UBERABA

O povoamento da região de Uberaba teve início, no final do século XVIII, com sesmarias concedidas pela Capitania de Goiás, entre elas, a Fazenda das Toldas, ainda existente, concedida a Tristão de Castro Guimarães, e as Fazendas Santo Inácio, Ponte Alta e Bebedouro, concedidas, em 1799, ao Tenente Joaquim da Silva e Oliveira, irmão do Sargento-Mor Antônio Eustáquio da Silva e Oliveira, todas estas fazendas situadas ao sul da atual Uberaba.

O povoado de Uberaba, foi fundada, em 1809, pelo sargento-mor comandante da Companhia de Ordenanças do Distrito do Julgado do Desemboque da Capitania de Goiás, Antônio Eustáquio da Silva e Oliveira.
A primeira casa de Uberaba, construída pelo Sargento-Mor Antônio Eustáquio, localizava-se na atual esquina da Praça Rui Barbosa com a Rua Artur Machado, do lado esquerdo de quem desce a rua Artur Machado.

Uberaba surgiu pela migração de familias que deixaram as já esgotadas regiões produtoras de ouro, porém fracas para agricultura, da Capitania d…

70 ANOS DA ESCOLA ESTADUAL MINAS GERAIS

Fundada em 1944, a Escola Estadual Minas Gerais é uma das instituições de ensino mais tradicionais de Uberaba e completa esse mês 70 anos. Uma série de ações serão desenvolvidas dentro e fora da instituição no intuito de apresentar para a comunidade uberabense toda a sua história.
Estão sendo realizadas diversas ações como, postagem de fotos antigas de alunos e funcionários na tentativa de descobrir que são os personagens de grande história. Entrevistas com ex-alunos, elaboração de um jornal contato a trajetória do minas, a construção de uma capsula do tempo que será aberta daqui à 10 anos, entre outras.
Um destaque especial para criatividade dos grafiteiros que deram vida aos muros externo do colégio. Demonstrando a importante da intervenção artística de grafiteiros na vida urbana. 


O prédio foi construído em 1929 e até hoje mantém as mesmas características. Foi nele que funcionou o primeiro quartel militar da cidade. E desde de 2013, o Conselho de Patrimônio Histórico e Artístico d…