Pular para o conteúdo principal

DILMA VETA ITENS DO NOVO CÓDIGO FLORESTAL


A Presidente Dilma Rousseff nove itens do Código Florestal aprovado pelo Congresso Nacional em setembro.

Foto: Reprodução internet

Entre eles o que previa uma recuperação de, pelo menos, 15 metros das matas de beira de rios em propriedades médias. Com o veto, esse limite mínimo volta a ser de 20 metros. A presidente também vetou o artigo que estabelecia uma área de proteção de apenas cinco metros nas margens de rios intermitentes de até dois metros de largura para qualquer tamanho de propriedade.

Outro ponto vetado é o que permitia que a recuperação de áreas de preservação permanente fosse feita apenas com árvores frutíferas. O governo quer o uso de árvores nativas.

Além dos vetos, foi publicado no Diário Oficial desta quinta-feira  um decreto que restabelece o tamanho das áreas de preservação permanente que devem ser recuperadas, nas propriedades médias. Essas áreas são bem maiores do que as que o Congresso aprovou. Além da regulamentação do Programa de Regularização Ambiental (PRA) e do Cadastro Ambiental Rural (CAR), que suprirão os possíveis vácuos na lei deixados pelos vetos.

Foto: Reprodução internet

Desde o inicio da criação do novo Código,  muitas discussões ocorreram e se depender da bancada ruralista essa "queda de braço" ainda não acabou.






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - MENINO MESTIÇO

Por: André Montandon e Verônica Furtado

Natural de Uberaba, Guilherme de Oliveira Junior, mais conhecido como Menino Mestiço é tido como uma dos grandes letristas da região. Escrevendo desde 2007, suas letras fomentam reflexão, constroem diálogos e empodera aqueles que são invisibilizados pela sociedade. Atuante na cultura Hip-Hop desde 2011 através das batalhas de MCs, em 2015 conseguiu de forma independente distribuir sua primeira mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita em Si Mesmo", contendo as canções "Cantiga de Roda", "Queijo Minas" e "Negro Não Nego" música que ficou em terceiro lugar no Festival de Música autoral de Uberaba. No ano seguinte, se consolida como promessa na região com sua segunda mixtape "Abençoado Seja o Que Acredita e Vai à Luta", com destaques para os sons "Sem Sinal de Vida", "Anos 2000" e "Gatilho da Revolução. O artista também é responsável por inúmeras atividades como apresentações p…

ELEIÇÕES 2018 - CANDIDATOS CRIATIVOS DE MINAS GERAIS - PARTE II

Achou que tinha acabado né????
Confira a segunda parte da seleção dos candidatos mais criativos do nosso estado.