Pular para o conteúdo principal

USC é goleado pelo Boa e Nenê coloca cargo à disposição

Goleado pelo Boa Esporte, Colorado segue sem vencer fora de casa nesta edição do Campeonato Mineiro Módulo I

O Uberaba Sport segue sem saber o que é vencer fora de casa. Ontem, no estádio Melão, em Varginha, o Colorado foi goleado pelo Boa Esporte por 4x0, em duelo válido pela quinta rodada do Campeonato Mineiro Módulo I. Foi a terceira derrota do USC no Estadual, a segunda consecutiva.

O Boa abriu o placar aos 39 minutos da etapa inicial, através de Claudinei, que se aproveitou de um escanteio e cabeceou a bola para o fundo da rede. Logo aos oito minutos da segunda etapa, Robert marcou um belo gol para os donos da casa. Olívio marcou o terceiro aos 33 minutos. Aos 40, Jajá deu números finais à partida.
A goleada sofrida em Varginha pode ser a última de Nenê Belarmino como treinador do USC nesta edição do Campeonato Mineiro. Logo após o jogo, o treinador colocou o cargo à disposição da diretoria. "Não quero sair, mas vou ter uma conversa séria com todo mundo. Eu vim aqui para vencer e não consigo ver uma coisa dessas. Não marcamos, não jogamos, não fizemos nada. Perdemos na parte tática, física, técnica, em tudo. Já vim aqui e salvei o Uberaba em outras oportunidades, talvez alguém chegue agora e consiga arrumar a equipe. É muito mais fácil trocar uma pessoa do que trinta. Vou conversar com o Ernani Nogueira e decidir o que é melhor”, desabafou Nenê Belarmino.

O diretor de Futebol Ernani Nogueira vai se reunir com o treinador e deve se pronunciar nas próximas horas. A reapresentação do elenco está marcada para esta tarde, às 15h30.

Desculpas. Após o jogo, em entrevista à Rádio JM, o zagueiro Roberto Dias foi taxativo ao falar sobre o desempenho do Colorado no jogo. "Foi horrível", disse o jogador. "Uma vergonha", completou o meia Gustavinho, que atuou como lateral-esquerdo.

Já Clodoaldo pediu desculpas ao torcedor alvirrubro. "A gente precisa pedir desculpa para a torcida. Precisamos conversar muita coisa, analisar os nossos erros e arrumar tudo isso. Ainda dá tempo”, disse o atacante e capitão do USC.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FIQUE LIGADO NA AGENDA CULTURAL

ZEBUNAREDE ENTREVISTA - CARNE DOCE

Por: André Montandon e Verônica Furtado
Fundada em Goiânia por Salma Jô e Macloys (Mac) em 2013, o Carne Doce é uma das mais importantes bandas do indie brasileiro. A ótima avaliação do primeiro disco autointitulado, que ocupou várias listas em 2014, foi ampliada em "Princesa", um dos mais elogiados lançamentos brasileiros de 2016.

Com apoio da Natura Musical, a banda formada por Salma Jô (voz), Macloys Aquino e João Victor Santana (guitarra), Anderson Maia (baixo) e Ricardo Machado (bateria). acabam de lançar seu terceiro disco, “Tônus”. E nós teremos a oportunidade de conferir esse novo trabalho, no dia 15 de setembro, no Laboratório 96.

Aproveitamos essa visita para bater um papo com o guitarrista Mac. Confira:

Como começou a ser desenhado o álbum Tônus e como foi o seu processo de produção?
Mac - O disco começou a ser concebido no final de 2017 pela necessidade de sucedermos o "Princesa", que ainda é um disco que caminha, ainda é "descoberto", mas que j…